Gurus e avós

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Vou começar esse tema citando um amigo meu que certo dia me disse a seguinte frase: “os homens envelhecem e viram gurus, as mulheres envelhecem e viram avós”. Corta a cena e passamos para uma propaganda. Nessa semana, folheando uma revista, deparei-me com um anúncio que mostrava duas crianças, uma menina e um menino, à beira de uma quadra de tênis e o texto sugeria o que eles seriam no futuro: apontando para o garoto, “futuro CEO de uma multinacional”, e sobre a menina, “futura analista de sistemas”.

Não sou feminista de carteirinha nem fico discursando a favor da igualdade entre homens e mulheres, mas se juntarmos as avós com a analista de sistemas de um lado e colocarmos do outro lado da quadra o guru com o CEO, não há dúvidas de que lado é superior e quem ganhará o jogo de lavada!

Ou seja, estamos em pleno século XXI, comemorando a vitória de um negro à presidência dos EUA, desenvolvendo clones humanos, mas ainda engatinhando na visão que temos das mulheres nas empresas. Claro que hoje as mulheres já conquistaram muitos espaços e que temos muito a comemorar. Mas, ao mesmo tempo, ainda vislumbro uma longa jornada pela frente.

O mundo corporativo ainda nos vê como pessoas que estão se desenvolvendo, que trabalhamos para ter dinheiro para nossas agulhas ou por capricho pessoal. Ainda tem gente fazendo cara feia para reuniões e empresas lideradas por mulheres. Parece piada, mas não é.

Por isso, mais uma vez, meninas, a luta continua!!!

Cecília Russo Troiano é psicóloga, sócia-diretora da Troiano Consultoria de Marca e autora do livro “Vida de Equilibrista”. Casada e mãe de 2 filhos, ela afirma que é mãe equilibrista, vive sua vida tentando equilibrar “pratinhos”. Email - cecilia@troiano.com.br Venda do seu livro pelo site www.vidadeequilibrista.com.br
  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente