Franquia virtual pode ser um bom negócio

Franquia virtual Antídoto Store

Foto: Reprodução Site

Começar um negócio exige planejamento, verba e conhecimentos sobre finanças e sobre o mercado em que o empresário irá atuar. Muitos projetos barram principalmente na parte financeira. Mas para quem quer começar uma pequena empresa e dispõe de pouco capital, abrir uma franquia virtual podem ser uma boa opção.

O principal atrativo é não precisar dispor de uma sede física e conseguintemente de todos os gastos que um imóvel oferece, como custo com funcionários, entre outros.

Uma opção de franquia virtual é a Antídoto Store. Para ser franqueado da empresa de cosméticos, é preciso desembolsar R$ 19 mil, que inclui o site de vendas, ferramenta administrativa para gerenciar pedidos, promoções e e-mails marketing. Deste valor, parte é revertida em equipamentos (um notebook e um smartphone) e R$ 10 mil em produtos, para montar o estoque inicial.

Outra empresa que adotou o sistema é a Neomerkato, que lançou o E-franchising, uma franquia virtual de lojas de produtos eletrônicos, com investimentos em torno de R$ 5 mil. A empresa se responsabiliza pela operação, incluindo a logística dos produtos.


Por Lívany Salles

Comente