Estresse no trabalho

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Estresse no trabalho

Você acordou do lado contrário da cama e o café da manhã estava sem gosto. Os filhos se atrasaram para a escola e aquele vestido que você precisava para hoje está todo amassado, no fundo do cesto de roupa suja. Parece que seu dia vai começar com a letra “E” bem grande. “E” de estresse!

O problema é que esse mau humor e excesso de atividades podem afetar o seu desempenho profissional. Aí que mora o perigo. A psicóloga Suzana Ampessam, que trabalha na Marisol, em Santa Catarina, explica que o estado de estresse tende a diminuir o nível de concentração e atenção, além de aumentar ansiedade e irritabilidade.

“Esses sintomas ou sinais impactam negativamente na tomada de decisão, nas negociações, nas interações com pares, superiores e subordinados, e na capacidade de análise de dados e informações na sua atividade profissional”, alerta.

Segundo ela, o estresse vai sempre acabar interferindo no desempenho profissional. A dica então é relaxar para produzir. “O importante é estar atento aos primeiros sinais do desequilíbrio entre as exigências do ambiente e as possibilidades de dar conta de tudo”.

Dessa maneira, o profissional pode decidir pela adaptação, afastamento ou superação da situação, e evitar chegar ao estresse. “Com relação às interações com colegas e chefias, é importante manter a relação no nível profissional, conhecer os próprios limites de tolerância e não entrar nos ‘jogos de poder’, evitando tratar de assuntos polêmicos num clima de tensão”, sugere Suzana.

Como o estresse muitas vezes é resultado da exigência pessoal de cada um, é importante esclarecer as responsabilidades e demandas. “Além disso, os colegas e chefias devem ser percebidos como facilitadores e parceiros de trabalho, tornando o ambiente mais harmonioso e produtivo”.

Depois do expediente, tente deixar o trabalho no escritório, principalmente se o ambiente profissional for competitivo e de alta-tensão. Aproveite o tempo longe do batente para recarregar as baterias.

Boa alimentação, exercícios físicos, coração em ordem e aquela noite de sono reparadora são ótimas pedidas para aliviar as tensões e começar o dia seguinte com todo o gás. Pode apostar!

Dicas da nossa colunista Leila Navarro

O que te deixa motivada para trabalhar?Resolva os seus problemas

Por Sabrina Passos (MBPress)

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Assuntos relacionados: carreira trabalho estresse trabalho ansiedade