Empresas investem mais em redes sociais

Empresas investem mais em redes sociais

Atualmente, as famosas redes sociais são fortes aliadas de empresas interessadas em se aproximar de seus consumidores e construir um bom relacionamento com eles. Prova disso, uma pesquisa realizada em 2010 apontou que 34% das empresas entrevistadas não tinham nenhum vínculo com as redes sociais. Hoje, este número caiu para 15%, o que representa a influência que as redes adquiriram dentro do mercado corporativo.

Realizada pela revista Business Week, a pesquisa - com as 100 empresas mais valiosas do mundo em 2010 - mostra que os empreendimentos, que investem em redes sociais, apresentam melhores resultados e mais reconhecimento. Em média, empresas atuantes em redes sociais cresceram 18% em um ano, enquanto aquelas reticentes tiveram queda de 6%, em média, no mesmo período.

Segundo Rodrigo Campos, assessor de Marketing da Link Portal da Comunicação, o uso desse novo meio de relacionamento pode ser aproveitado para uma série de fatores, pois as redes permitem a expansão de mercado, melhor interação com os consumidores, conquista de novos clientes e redução de custos em divulgação. Porém, não é só publicar nas mídias sociais que vai trazer todos os benefícios.

Para Campos, é preciso que as empresas agreguem valor aos conteúdos, por exemplo, uma empresa do setor alimentício pode colocar além dos seus produtos, algumas receitas e dicas de alimentação para os consumidores. Isso faz com que haja a fixação de seu nome no mercado e desperte a curiosidade de quem ainda não conhece.


Redes sociais são formadas por pessoas. A qualidade da rede e de sua interação é o que agrega valor ao conteúdo divulgado. Mídias sociais são as ferramentas utilizadas para a manutenção das redes como Twitter, Facebook, Orkut, Linkedin, Myspace e Google+.

Por Livany Salles

Comente