Concurso público é caminho para emprego estável em tempos de crise

Estabilidade e renda atraente são motivos para tentar passar em um concurso público
Concurso público

Foto - Reprodução/shutterstock.com

Estabilidade financeira e profissional é o que faz muita gente varar madrugadas estudando com afinco. Ingressar no serviço público representa a solidez de uma renda mensal fixa, vitalícia e muitas vezes bem satisfatória, além de benefícios que incrementam o salário e propiciam uma organização financeira familiar bem mais  saudável. Por isso, aumenta o número de jovens e adultos que buscam nos cursinhos para concursos públicos uma forma de se tornar mais competitivo e, quem sabe, conseguir assim um lugar ao sol em algumas das vagas mais concorridas de concursos  como do INSS, de Universidades Federais e da Receita Federal.


Quem quer se preparar fortemente para passar em um concurso público deve ter em mente que o primeiro passo para isso é dispor de boas horas de estudos e focar integralmente no objetivo que se tem. De acordo com o diretor do cursinho preparatório Gran Cursos Online, Rodrigo Calado, cada candidato deve encontrar a melhor maneira de estudar. Enquanto algumas pessoas são mais visuais, outras preferem ouvir ou interagir com a informação de alguma forma.

“Há diversas formas de conseguir sucesso em concursos, sendo que algumas são universais e servem para a maior parte dos candidatos, como manter uma rotina de estudos e força de vontade”, afirma

Outro ponto importante é o planejamento. Há estudantes que passam anos se dedicando ao estudo de matérias específicas para passar em um concurso, mesmo que o processo seletivo ainda não tenha data marcada. Isso é possível porque algumas instituições sempre estão precisando reciclar seu quadro de funcionários, seja porque a demanda de serviços aumentou, ou porque alguns se aposentaram, ou ainda, porque novos cargos foram criados dentro das instituições.

Uma dica importante a ser aproveitada pelos concurseiros de plantão é levar em conta um macete que muitos professores de cursinho recomendam: caso você tenha dificuldades em matérias de Humanas ou Exatas, dedique maior parte de seu tempo de estudos a essas matérias, de modo a esmiuçar todas as dúvidas e repassar as questões quantas vezes forem necessárias.

E vale destacar que não é necessário abrir mão da vida social para ser aprovado. Embora a abdicação faça parte vida de quem estuda para concurso, sempre que possível é aconselhável conciliar os estudos com momentos de lazer e bem-estar, incluindo pessoas da família e amigos.

Por Renata Branco

Comente