7 dicas para não errar na escolha da carreira

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
carreiravocaçãoprofissional

Foto - Shutterstock

A maioria dos estudantes acredita que ler materiais sobre a profissão pretendida é a melhor solução encontrada para descobrirem sua carreira. É o que aponta um estudo do Nube (Núcleo Brasileiro de Estágios), com mais de 4.800 jovens.

Como segunda opção, os futuros profissionais optam por conversar com amigos e profissionais da área para saber mais sobre determinada carreira.Os tradicionais testes vocacionais, geralmente feitos em sites ou instituições de ensino ficaram em terceiro lugar na hora de escolher a profissão.

Para não errar nesta decisão tão importante, algumas dicas:1. Conheça a rotina e os desafios da carreira pretendida. Estamos falando de identificação,do despertar da curiosidade e a vontade de aprender continuamente.

2. Busque pelo máximo de informações sobre todas as profissões; as condições de trabalho; as possibilidades de crescimento e os salários praticados no mercado.

3. Vocação deve ter mais peso, mas esteja sempre atento à capacidade de absorção do mercado de trabalho. O salário também é importante, porém, quando se faz o que gosta e a profissão é reconhecida pelo mercado, atingir uma recompensa financeira satisfatória é uma questão de tempo.

4. A instituição de ensino será o ponto de partida para a realização do sonho. Para tanto, alguns itens devem ser observados pelo estudante: se a IES esta devidamente credenciada no MEC, se ela mantêm um corpo de professores que, além de serem docentes, também atuam no mercado, a relação dessa IES com o mercado.

5. Conversar com profissionais na área, assistir palestras e participar de encontros sobre carreiras. Em geral, nessas palestras, são convidados profissionais de sucesso que contam suas experiências.

6. O estagio é uma excelente oportunidade para o estudante testar seus conhecimentos e apurar sua aptidão para a área profissional escolhida. Dessa maneira, a escolha do local de estágio também deve ser feita de forma a alcançar todos esses benefícios e, quem sabe no futuro, o primeiro emprego.

7. É muito interessante visitar empresas, mas entendemos que nem sempre é muito fácil para os estudantes, a menos que tenham um contato. Além disso, as empresas possuem suas rotinas e metas, o que pode dificultar o recebimento frequente de estudantes.


Por Vila Mulher

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente