Novidades em decoração - pastilhas com texturas

Pastilhas com texturas

Pastilhas de revistimento Atlas antiderrapante. Foto: Divulgação

Há algumas décadas, as pastilhas eram o que havia de mais moderno nos lares do Brasil, porém ao longo dos anos caiu em desuso. Mas o mundo dá voltas, seja na moda ou na decoração, as pastilhas voltaram com tudo.

Para quem gosta do jeito dos bairros badalados de Nova York, a Jatobá Pastilhas apresenta a coleção SoHo, com um estilo underground e ao mesmo tempo elegante, típico da região. As pastilhas são confeccionadas em porcelana natural (fosca) de alta mescla (produto com alta variação de tonalidade), no formato 5cm X 5cm. A coleção é composta por cinco cores e é indicada para paredes e pisos.

Quem tem preferência por objetos mais naturais vai adorar a novidade da ColorMix. A linha Eccos traz pastilhas feitas a partir da casca de coco e de ouriço da castanha-do-Pará. O fabricante promete, se aplicado corretamente, um acabamento natural e sem junta. A linha é indicada para paredes de ambientes internos e para revestimentos da indústria moveleira. É contraindicado para pisos e ambientes com ação direta do sol e da chuva.

Pastilhas com texturas

Pastilhas de revistimento Colormix de Coco. Foto: Divulgação

"Em 2012 investimos na produção de pastilhas com materiais de fontes renováveis e genuinamente brasileiros, com o objetivo de oferecer ao mercado da construção e decoração nacional opções de artigos sustentáveis. É o caso dos mosaicos de pastilhas feitas a partir do ouriço da castanha-do-Pará, coletada na Floresta Amazônica por famílias extrativistas de baixa renda, associadas a cooperativas locais", informa Arthur Grangeia, diretor da Colormix.


A Cerâmica Atlas apresenta novidades para quem busca pastilhas para piso. A linha Podium Antiderrapante é composta por pastilhas de porcelana com relevos, textura e ausência de esmaltes brilhantes. Este tipo de material se aplicado em pisos oferece maior aderência e segurança, ou seja, evita escorregões. Linha Podium Antiderrapante é indicada para fachadas internas e externas, além de pisos internos e externos residenciais.

Por Bianca de Souza (MBPress)

Comente