Como escolher a cortina?

cortina

Shutterstock

Cortina não é um só item decorativo como também ajuda a controlar a iluminação da casa e garantir a privacidade dos moradores. Mas a variedade de modelos de cortinas é tanta que fica a dúvida: como escolher a ideal para o ambiente em questão?

Primeiramente você terá que analisar o tipo de janela que será coberta. Meça a largura e altura e dê atenção também à estrutura de acima da janela, para definir o local onde vai ser fixado o trilho ou varão. A propósito, os varões são utilizados em situações em que a cortina não pode ir até o teto e precisa ser fixada na parede. Já os trilhos costumam ser instalados quando a parede está livre e existe um forro de gesso para acabamento.

Em salas, os tecidos podem ser mais leves e transparentes. Mas é preciso verificar também a incidência de luz no espaço. Se entra muita claridade do sol é preciso pensar numa forma de bloquear através de mais de uma camada de tecido. Cortinas com mais de uma camada também são indicadas para ambientes mais íntimos, como dormitórios e até mesmo salas de tv.


A cor é por sua conta! Escolha aquela que também harmonize com os móveis do ambiente. E qual o tamanho certo? No caso dos modelos de tecido, o ideal é que se estenda até o chão. Já as cortinas romanas, que possuem um caimento mais discreto, podem ficar soltas sobre as janelas, sem preencherem a extensão inteira da parede.

Por Jessica Moraes

Comente

Assuntos relacionados: cortina dicas decoração design