Selagem Térmica: tire suas dúvidas

Selagem Térmica tire suas dúvidas

Foto: Helen King/Corbis

Embora os cabelos cacheados e crespos estejam em alta, o sonho de muitas mulheres ainda é eliminar o volume das madeixas e deixá-las bem lisinhas. Mas, é claro, de uma maneira que fique o mais natural possível!

Para isso, nos salões de cabeleireiros existem vários tratamentos que garantem o tão desejado efeito liso, mas um que vêm conquistando a mulherada é a selagem térmica capilar. Essa técnica reduz o frisado, o volume e ao mesmo tempo hidrata.

Enquanto a selagem térmica tem em sua composição proteínas e aminoácidos, a escova progressiva usa formol, acido fórmico, formaldeído, glutarol, entre outros, que, de acordo com Bruno Castro, hairstylist do Espaço Juliana Paes, podem causar danos aos fios e a saúde tanto de quem está realizando o tratamento como do profissional.

"O resultado da selagem proporciona nutrição ao cabelo. Já a progressiva faz uma maquiagem no fio, criando uma película impermeabilizante fazendo com que o cabelo perca o brilho. Isso pode gerar disfunções do coro cabeludo, como caspa ou excesso de oleosidades", explica Castro.

A selagem térmica pode ser tratamento ou escova de redução de volume. "Os fios mais indicados são os cabelos indefinidos, aqueles que não são cacheados, nem lisos", descreve Bruno. Ele garante que para cabelos com os cachos muito fechados também é indicado, porque ela solta as ondas dos fios. "Dependendo da linha do produto a selagem age como disciplinante ou abertura das ondas", informa.

O hairstylist assegura que o tratamento por si só já trata o cabelo. Mas, antes de realizá-lo é importante ter um diagnóstico do profissional para averiguar a estrutura de fio, a característica e o objetivo final. "Com isso o profissional conseguirá alcançar e superar a expectativa da cliente", diz ele.

Após a realização do tratamento, Bruno orienta que é fundamental escolher produtos de qualidade que proporcione emoliência para manter o resultado desejado. "Shampoo, condicionador e máscara de uso diário que acomodem longevidade e disciplina nos fios são alguns deles", assevera.

O profissional esclarece que quando é feito o relaxamento e em seguida a selagem térmica ocorre uma mudança irreversível da forma dos fios. "O processo pode chegar a grandes extremos. Sendo assim, o cabelo cacheado pode alisar totalmente e os cachos não voltarem mais", alerta ele.

Em um fio muito fino, porém, cacheado, por exemplo, o cabelo pode ficar muito minguado. "Para quem possui cabelos lisos, não há necessidade de fazer a selagem. Use apenas um bom shampoo e máscara semanalmente para ter o mesmo resultado", ensina o hairstylist.

Embora o correto seja fazer a selagem antes de descolorir ou fazer luzes nos cabelos, muita gente acaba deixando para depois, pois a própria selagem vai fechar as cutículas e nutrir os cabelos. Se você resolver fazer após o tratamento melhor esperar um pouco, dois dias, pelo menos, porque as cutículas já não estarão abertas e a tintura não vai fixar nos fios.


Castro alega ainda que não é possível determinar de quanto em quanto tempo é necessário realizar novamente a selagem térmica, pois depende do diagnóstico feito pelo profissional. "Fazer uma visita a um especialista é o primordial. Não se deixar levar pela opinião dos outros. Para o resultado ser eficaz é preciso uma análise antes", instruiu.

Por Stefane Braga (MBPress)

Comente