Raíz oleosa e pontas secas: como cuidar?

Raíz oleosa e pontas secas como cuidar

Foto: A. Chederros/Onoky/Corbis

Escolher com cuidado os produtos para usar no cabelo é essencial para deixá-los sempre bonitos. E as mulheres que têm fios mistos, ou seja, raíz oleosa e pontas secas, precisam tomar alguns cuidados especiais.

Segundo o hairstylist Luiz Cintra, geralmente os cabelos mistos são os mais lisos e com textura de fino a médio. E orienta que o ideal para esses fios é usar um shampoo específico para raiz oleosa e pontas secas.

"Na ausência de um shampoo com essa característica, o indicado é que se utilize um para cabelos oleosos juntamente com uma boa máscara com ação para as pontas. Isso porque o shampoo limpa e equilibra melhor a área do couro cabeludo, mas, como deixa as pontas ressecadas, é necessário um cuidado maior com o comprimento das pontas", esclarece.

A linha de produtos especiais inclui ainda um condicionador, que pode ser o que seu cabelo se adapta melhor, sendo imprescindível aplicar somente no comprimento e pontas, enxaguando sempre muito bem. Cintra diz que a máscara deve ser usada uma vez por semana também somente no comprimento e pontas. Em casos extremos - quando a ponta estiver muito ressecada ou sensibilizada - é aconselhável hidratar duas vezes por semana.

As pessoas que têm a raiz oleosa costumam lavar o cabelo todos os dias, mas isso pode potencializar o ressecamento das pontas. Desse modo, o hairstylist recomenda que os cabelos mistos sejam lavados um dia sim e outro não.

"Para quem lava o cabelo todos os dias, use apenas shampoo e condicionador, enxaguando-os muito bem, sempre usando produtos de boa qualidade", orienta. "Porém, lavar os cabelos todos os dias acaba ressecando um pouco mais as pontas. Para amenizar esse efeito pode ser utilizado um leave in nas pontas, pois o creme sem enxágue ajuda no tratamento dos fios", completa.

Dependendo do tipo de cabelo, e se a pele da mulher é muito oleosa, essa oleosidade é absorvida pelos fios. Lembrando que o uso de produtos indevidos pode aumentar a oleosidade. Até o corte, em certos casos pode aumentar a oleosidade. "Um corte no qual o cabelo fica caindo no rosto e a pessoa passa muito a mão, com certeza potencializará o efeito oleoso", alerta o hairstylist.

Luiz Cintra dá outra dica importante: não pressione os dedos com muita força e nem por muito tempo. A grande maioria das pessoas pensa que este é melhor jeito para lavar os cabelos, mas na verdade não é. "O movimento muito intenso acaba estimulando as glândulas do couro cabeludo, acelerando a oleosidade. Lavar de maneira correta (não muito fraco, nem muito forte) com o uso dos produtos certos, vai amenizar bem o problema."


Juliana Falcão (MBPress)

Comente