Dreadlocks para quem quer radicalizar o visual

Dreadlocks  aprenda a fazer

Shakira de dreads - foto reprodução: Site Polyvore

Você que está super a fim de radicalizar no visual, que tal apostar nos dreads? Há várias formas de se fazer esse cabelo rastafari feminino, algumas bem práticas que dá pra fazer em casa. Quer um exemplo? O dread com spray, que é temporário.

Para isso, lave o cabelo com shampoo antirresíduo e seque o cabelo com secador. Depois divida o cabelo em mechas, de pequenas a médias, onde deseja fazer os dreads.

Com um spray de alta fixação, borrife sobre as mechas. Depois, mecha por mecha, pegue um pente de metal e penteie das pontas à raiz, desfiando (tipo anos 80).

Aí é só torcer cada mecha e aplicar bastante spray, até elas ficarem duras. Pronto! Dura até duas semanas!

Também há o método com cera. Este é o mais utilizado, funciona com qualquer tipo de cabelo, mas é necessário que o comprimento seja de no mínimo 20 cm. O processo consiste em dividir o cabelo mechas de cerca de 2 cm, e pentear cada setor da ponta para a raiz com um pente de ferro visando embolar os cabelos (também tipo anos 80).

Depois de embolados todos os dreads, coloca-se uma borrachinha de cabelo bem fininha de silicone. Alguns aplicam cera de abelha para fixar as mechas - outros são completamente contra. Isso exige uma manutenção frequente por meses, que consiste em enrolar as mechas com a palma da mão (e/ou reaplicar a tal da cera).

Mas também existe um método bem colorido e bastante usado: os dreads de . São dreads mais compactos e limpos. Divide-se o cabelo e penteia-se da ponta à raiz, como no processo com cera.

Daí "costura-se" o cabelo com uma agulha de crochê. A lã serve para incrementar o dread já que ela pode ser usada quando se estiver trançando ou após o dread estar pronto. É só escolher suas cores favoritas!

Confira uma galeria com famosas exibindo seus dreadlocks:

Por Jessica Moraes

Comente