Treinamento funcional: o resgate dos movimentos naturais

Treinamento funcional o resgate dos movimentos nat

Foto: divulgação/ O-Zone

Correr, pular, agachar, levantar, puxar e empurrar. Atos instintivos que muitas vezes deixamos de lado no estilo de vida cada vez mais voltado para o sedentarismo. É exatamente no resgate dos movimentos naturais que age o treinamento funcional.

Para o treinador Tuca Martins, da O-Zone Treinamento Funcional, a ideia da prática é simples: transferir o que se faz na academia para o dia a dia, com atividades de alta intensidade. Em alguns, o peso do corpo e o equilíbrio são as ferramentas para um exercício dinâmico. Por isso é tão bem aceita e agrada os que fogem de exercícios monótonos.

Por trabalhar diferentes capacidades físicas em um único exercício, acaba sendo bastante completo e movimenta não somente um grupo muscular, mas o corpo como um todo. Ainda de acordo com preparador, as práticas treinam a força muscular, a flexibilidade, a resistência, a precisão, a agilidade, o sistema cardiorrespiratório, a coordenação motora e o equilíbrio.

Os motivos para frequentar as aulas são muitos. No caso do web designer Felipe Araújo, depois de alguns anos afastado de atividades físicas devido a lesões no joelho, ele resolveu procurar a modalidade. "Passei por centenas de sessões de fisioterapia e por médicos diversos quando o último ortopedista disse que eu não poderia mais fazer as atividades que eu gosto. Quando conheci o treinamento funcional foi como uma luz no fim do túnel e resolvi tentar", conta.


Depois de três meses, Felipe diz que já é possível sentir melhoras expressivas no dia a dia. "No treinamento funcional eu tenho uma junção de movimentos baseados nas ações diárias e a dinâmica é muito grande, além de o ambiente ser alegre, divertido, com pessoas unidas e satisfeitas", conclui.

Seja por motivação, por autoestima, saúde ou emagrecimento, vale a pena tentar. Lembrando, sempre, de fazer acompanhamento médico e procurar profissionais especializados.

Por Lívany Salles

Comente