Tratamento para diabetes

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
tratamento de diabetes

A prática moderada de atividades físicas é fundamental para os portadores de diabetes, pois contribui para o bom funcionamento dos órgãos. O diabético precisa ser acompanhado por um médico endocrinologista e deve se submeter a exames de sangue periodicamente, como forma de controlar seu nível glicêmico. Com base nos resultados, o médico fará a prescrição individualizada de medicamentos e de alimentação; daí a importância de um nutricionista no tratamento.

O açúcar refinado é o grande vilão para os diabéticos, pois se converte rapidamente em glicose e não oferece nenhum nutriente além de calorias. Entretanto, isso não significa que todos os carboidratos devem ser eliminados da alimentação, pois eles são fonte indispensável de energia. É preciso dar importância à quantidade e à qualidade daquilo que se come.

O diabetes tipo 2 é uma doença que pode ser prevenida. É importante que as pessoas evitem a obesidade, que provoca a resistência à insulina e obriga o pâncreas a trabalhar mais que o necessário.

O cuidado com a alimentação é fundamental para quem sofre de diabetes. A preferência por alimentos integrais, ricos em fibras, vitaminas e minerais, deve fazer parte da alimentação de todas as pessoas que desejam evitar problemas de saúde e que dão importância à sua qualidade de vida.

Mesmo que não haja restrição alimentar, o bom desempenho físico, para diabéticos ou não, está associado a uma boa alimentação e à prática regular de exercícios, para manter um estilo de vida ativo. Em muitos casos, é necessário uma mudança no estilo de vida - o que exige perseverança e determinação.

Por Flávia Leão Fernandes

Psicóloga - CRP 06/68043

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente