Segredos de quem nunca adoece

Segredos de quem nunca adoece

Existem populações no mundo que nunca ficam doentes. A escritora Gene Stone, em seu livro "Os Segredos das Pessoas que Nunca Ficam Doentes", cita algumas dicas das 25 pessoas que ela consultou e encontrou dicas práticas, tais como tomar banhos frios pela manhã, a prática de ioga e a ingestão de alimentos como alho, levedura de cerveja e canja de galinha.

Mas além disso, você pode conferir outros hábitos que essas pessoas que nunca adoecem têm no seu dia a dia. Guarde essas dicas se você deseja viver com mais saúde.

Celebrar a vida - Não espere algo de extraordinário acontecer, mas acostume-se a comemorar as pequenas vitórias. A longevidade dos italianos que vivem na Sardenha, por exemplo, vem da disposição que eles têm para festejar tudo e todos.

Cultivar a fé - A vida espiritual empresta sentido às buscas e conquistas do ser humano, dá uma nova dimensão às vitórias e também às perdas. Além disso, orienta e ajuda as pessoas a tomar decisões difíceis.

Ter atitudes positivas - As emoções positivas são capazes de provocar reações físicas muito boas, curam e determinam uma maior e melhor qualidade de vida.

Praticar mais atividades aeróbicas - Pode ser uma caminhada ou uma corrida. Esse tipo de exercício tem impacto direto sobre os fatores de risco associados à hipertensão, ao diabetes e à obesidade. A prática regular melhora a força e a flexibilidade, fortalece ossos e articulações, facilita a perda de peso e diminui o colesterol.

Comer mais frutas - Aumentar o consumo de produtos de origem vegetal é uma das medidas mais significativas na prevenção de doenças crônicas. Frutas, legumes e verduras possuem uma quantidade de vitaminas antioxidantes, boas gorduras e fibras que supera em muito a dos alimentos industrializados.

Aproveitar o contato com a natureza - Pratique essa terapia sempre que possível, já que ela é altamente relaxante. A vegetação transfere umidade ao ar e, portanto, o ambiente fica ionizado negativamente. Isso provoca uma reação química no organismo, gerando uma sensação de muita calma.

Ser mais ativo - Faça mais atividades a pé ou de bicicleta, cozinhe, brinque com o seu cachorro, todas essas maneiras de se mexer são válidas. Um dos segredos da longevidade é encontrar meios de se manter sempre em movimento.

Largar o sal - A redução de seu consumo é imprescindível para prevenir e controlar a hipertensão que, por sua vez, oferecem as condições favoráveis para que inúmeros problemas de saúde progridam rapidamente, tais como a insuficiência renal e as complicações cardíacas.

Investir no ômega 3 - Peixes são ótimas fontes desse nutriente, que tem ação comprovada na redução dos níveis de colesterol e de triglicérides, além de ajudar no controle da pressão e de prevenir o risco de tromboses, que danificam os vasos sanguíneos.

Cochilar após o almoço - É como renovar as energias, antes de recomeçar a jornada. Para quem dorme pouco, essa pode ser uma estratégia compensatória.


Beber mais água - a água está para o corpo humano assim como o combustível para o carro. Isso porque, sem manter os nossos níveis hídricos sempre abastecidos, todo o organismo sofre. O líquido ajuda a aumentar a saciedade, evitando compulsões que podem levar ao sobrepeso e ao aparecimento de diversas doenças, ao mesmo tempo que mantém a saúde do sistema renal.

Por Jessica Moraes

Comente