Gripe ou resfriado, a diferença

Gripe ou resfriado você sabe a diferença

Foto David Castillo Dominici/http://bit.ly/rW5P6P

Com a queda na temperatura, muito comum nesta época do ano que antecede o inverno, surgem também as gripes e resfriados, doenças com sintomas bem parecidos, mas causadas por vírus completamente diferentes, você sabe distingui-los?

Segundo a Organização Mundial de Saúde, 1,5 bilhão de pessoas apresenta pelo menos um episódio de gripe por ano. Soma-se a isso o fato de que quase ninguém consegue passar um ano inteiro sem ter ao menos um resfriado comum. A média individual é de cinco a sete episódios de resfriado por ano nas crianças e de três a cinco nos adultos.

Vamos à diferença?

O resfriado é uma infecção branda das vias aéreas, causada por vários tipos de vírus, sendo mais comum o Rinovírus. É extremamente contagiosa e a transmissão é feita pela tosse ou espirro e pelo contato com mãos infectadas. Os sintomas mais comuns são rinite, tosse e espirros. Pode ocorrer dor de garganta de curta duração. A tosse seca pode durar até semanas depois do fim dos sintomas

Já a gripe é causada pelo vírus Influenza e apresenta mais sintomas que o resfriado, são eles: febre alta, dores pelo corpo, dor de cabeça, mal estar, perda do apetite, dor de garganta e tosse. Na gripe os sintomas aparecem subitamente, os mais precoces são tosse e febre. O modo de transmissão é igual ao do resfriado.

Confira algumas dicas que podem ajudar a evitar a transmissão das doenças:

- Lavar bem as mãos;

- Tomar bastante água;

- Uma alimentação balanceada é muito importante, principalmente com frutas que tenham vitaminas C;

- Fique de preferência em lugares arejados e abertos, nada de fechar as janelas para evitar o frio, o ideal é o contrário para circular ar puro;

- Evite estar perto de pessoas gripadas, para não ter contato com os vírus;

- Procure respirar sempre pelo nariz e não pela boca, as narinas têm a função de filtrar o ar e aquecê-lo;


- Cobrir a boca e o nariz com papel descartável ao tossir ou espirrar;

- Usar agasalhos ao sair de casa em dias de baixa temperatura;

- Evite usar roupas de camas ou pessoais, guardadas por muito tempo e com cheiro de umidade;

Por Carmem Sanches

Comente