Dicas para proteger os animais da desidratação

Saiba quais cuidados especiais tomar com o bichinho no verão
hidratação-pet

Foto - Shutterstock

Segundo os veterinários, o movimento nas clínicas veterinárias aumenta cerca de 30% em épocas de tempo seco, como o verão. Isto porque os cachorros e gatos contraem mais problemas de saúde com a chegada do calor.

Esse aumento acontece pela falta de informação dos tutores com relação às mudanças de hábito que precisam ser tomadas no dia a dia do animal.

É preciso ficar atento aos horários de passeios com os pets, pois, se o sol estiver batendo pode ser muito prejudicial. Pois, assim como os humanos, o calor tende a cansar mais rápido e provocar uma desidratação muito grande. Além disso, as calçadas muito quentes queimam as patinhas dos animais.

E uma das dicas mais importantes é com relação à água do animal, ela precisa estar sempre fresca e nunca pode faltar para que o pet possa saciar a vontade e se hidratar.

Para as pessoas que não ficam em casa durante o dia e não podem repor ou trocar a água com frequência, o mais indicado é que espalhem os potinhos pela casa, para que se acabar em um, o animal consiga se dirigir a outro para matar a sede.

Outro ponto importante é o local de colocar as vasilhas, precisa ser um lugar que não bata sol. Com esses cuidados o seu pet não se desidrata e você garante um verão com mais saúde para seu bichinho.


Por Vila Mulher

Comente

Assuntos relacionados: animal de estimação tempo seco