Cuidado com a infecção urinária nos dias mais frios

Cuidado com a infecção urinária nos dias frios

Foto: reprodução/ Site elevare

A infecção urinária incomoda muitas mulheres durante todo o ano, mas você sabia que no inverno é que as chances aumentam? Isso porque as pessoas ingerem menos líquidos e sentem menos necessidade de urinar. "O ato de urinar auxilia na limpeza do canal da uretra e, quando não se vai ao banheiro por muito tempo, aumenta a possibilidade de reter bactérias no local", explica o urologista João Afif Abdo.

Outro fator que muitas vezes é ignorado é a exposição ao frio, ou seja, quando a pessoa está mal agasalhada aumenta a possibilidade de queda de resistência do organismo, facilitando, desta maneira, o desencadeamento das infecções urinárias.

Preste atenção aos sintomas mais frequentes: dor ao urinar, modificação na cor da urina, que passa a ser turva ou rosada e no cheiro que se intensifica, além de febres e dores na região lombar dependendo da gravidade do caso.

Para evitar o problema, alguns cuidados simples podem ser tomados. Beber muita água é fundamental, assim como higienizar a região íntima e urinar logo após a relação sexual. Não segurar a vontade de ir ao banheiro também é importante. "No longo prazo, essa prática pode enfraquecer a bexiga, que passa a não conseguir eliminar totalmente a urina e essa sobra é prejudicial", afirma o especialista.


O tratamento para as infecções mais simples é realizado em casa com uso de antibióticos prescritos por um médico. No entanto, em casos mais graves onde as bactérias se espalham para corrente sanguínea, pode ser preciso recorrer à internação para tratamento.

Por Lívany Salles

Comente