8 dicas para ter olhos saudáveis

olhos saudáveis glaucoma

Todas nos sabemos o quão é fundamental cuidar da saúde, mas muitas vezes esquecemos de algumas partes do corpo, tão importantes quanto qualquer outra, como os olhos, por exemplo.

É nesses momentos em que algo de errado acontece com a visão que nos damos conta de que é preciso cuidar melhor da saúde ocular, agindo de forma preventiva. Por isso algumas atitudes são imprescindíveis para evitar problemas oculares mais graves no futuro, como o glaucoma, por exemplo.

A melhor forma de prevenir o glaucoma é ir ao oftalmologista pelo menos uma vez ao ano para que a pressão ocular seja medida. Mas para evitar outros problemas oculares, o essencial é investir na saúde e na qualidade de vida. O oftalmologista e diretor do Eye Care Hospital de Olhos, Renato Neves, aponta oito dicas para ter olhos saudáveis:

Mantenha uma alimentação saudável - consuma alimentos antioxidantes que oferecem grandes benefícios à saúde ocular, retardando doenças como catarata e degeneração macular.

Dê um basta no cigarro - O fumo compromete a circulação sanguínea da retina, reduz a quantidade de antioxidantes presentes no sangue, e afeta a visão em qualquer fase da vida, principalmente a partir dos 65 anos. Portanto, quanto mais cedo parar de fumar, menores serão as chances de desenvolver catarata, glaucoma e degeneração macular relacionada à idade (DMRI).

Não saia de casa sem óculos de sol - nem no inverno! A exposição aos altos índices de raio ultravioleta provoca degeneração macular - doença que afeta a parte central da retina, membrana posterior dos olhos onde as imagens são transmitidas para o nervo óptico. Vale lembrar a importância dos óculos de boa procedência, que têm proteção UVA e UVB, além de tratamento nas lentes.

Evite passar muitas horas diante do computador - quem trabalha ou estuda muitas horas em frente ao computador deve fazer pausas a cada duas horas para que os olhos descansem durante o período. Durante as pausas, beba muita água e pisque os olhos aceleradamente para evitar a síndrome do olho seco. Também é indicado focar um objeto ou uma paisagem ao longe para trabalhar o músculo ocular.

Jogue fora a maquiagem velha - Leia atentamente o prazo de validade das sombras e do rímel, descartando o que já venceu. Até mesmo cremes e loções que apresentam o selo "dermatologicamente testado" devem ser utilizados com parcimônia, evitando o contato direto com a vista para que não provoquem ardor, irritação, vermelhidão e sensação de areia nos olhos.


Use óculos de proteção - os olhos merecem ser protegidos durante o esporte, as atividades de lazer e até mesmo durante alguns serviços manuais. Uma bolada forte nos olhos pode, por exemplo, resultar no descolamento da retina e ser responsável pela perda parcial ou total da visão.

Use sempre o cinto de segurança - Antes de se tornar obrigatório o uso do cinto de segurança, os acidentes de trânsito eram os maiores causadores de traumas oculares graves. Nesse tipo de acidente, é comum ocorrer perfuração ou laceração ocular.

Por Jessica Moraes

Comente