29 de agosto - Dia Nacional de Combate ao Fumo

29 de agosto  Dia Nacional de Combate ao Fumo

De acordo com estudo do Inca - Instituto Nacional do Câncer e do Instituto de Estudos de Saúde Coletiva da UFRJ, sete brasileiros morrem diariamente por causa de doenças ocasionadas pela exposição à fumaça do cigarro. As mulheres são as mais atingidas, 60% delas morrem em decorrência do tabagismo, uma vez que sofrem mais para largar o cigarro, elas apresentam o dobro de ansiedade e depressão comparadas aos homens.

Os dados divulgados pela OMS - Organização Mundial da Saúde são muito piores. Estima-se que 5,4 milhões de pessoas morrem a cada ano e até 2030 o tabaco será responsável pela morte de 8 milhões de pessoas.

Considerada uma droga poderosa, a nicotina demora apenas 7 segundos para atuar no sistema nervoso central, causando a dependência. É normal que os primeiros dias sem cigarro sejam os mais difíceis. Não desanime as dificuldades ficam menores a cada dia.

Tentou parar de fumar, mas voltou? A vontade de fumar não dura mais que alguns minutos, por isso, distraia a sua mente na hora que ela aparecer. Os sintomas duram de 1 ou 2 semanas, dores de cabeça, irritabilidade e alterações no sono, são normais.

Mas, não se preocupe se a sua primeira tentativa falhou, a maioria dos fumantes que largaram o vício fizeram, em média, de 3 a 4 tentativas até conseguirem. Veja abaixo os benefícios de parar de fumar e abandone de vez o cigarro.

  • após 20 minutos sua pressão sangüínea e a pulsação voltam ao normal
  • após 2 horas não tem mais nicotina no seu sangue
  • após 8 horas o nível de oxigênio no sangue se normaliza
  • após 2 dias seu olfato já percebe melhor os cheiros e seu paladar já degusta a comida melhor
  • após 3 semanas a respiração fica mais fácil e a circulação melhora
  • após 5 A 10 anos o risco de sofrer infarto será igual ao de quem nunca fumou

Fonte - Inca - Instituto Nacional do Câncer

Comente