Saiba tudo sobre o famoso chá verde

Não é segredo que o chá verde traz inúmeros benefícios para a saúde. Mas você sabia que ele também tem contraindicações?
cha verde

Foto - Shutetrstock

Se você ainda não incluiu o chá verde na sua dieta, é bom repensar suas atitudes. Cada dia uma nova pesquisa agrega benefícios terapêuticos à bebida. A mais recente, realizada por pesquisadores da Universidade de Basel (Suiça), aponta que a erva melhora a função cognitiva.


Aliado da dieta por suas características termogênicas, o chá verde é rico em uma série de substâncias que auxiliam na dieta. Entre elas, estão os flavonoides, catequinas e cafeína.

Recentemente a ciência descobriu que a epigalocatequina contida na bebida desempenha função importante no controle do estoque de gordura do organismo. "Essa substância ajuda a quebrar a gordura, sendo importante na reeducação alimentar e prevenindo ainda o entupimento das artérias e as doenças cardiovasculares", avisa a nutricionista Paula Castilho, consultora da Nação Verde.

Como possui alto poder antioxidante, também ajuda na prevenção de vários tipos de câncer e do envelhecimento. Outro benefício terapêutico é a possibilidade de redução do colesterol ruim. Por fim, lembra Paula Castilho, o chá verde conserva ainda propriedades antibacterianas, preservando a saúde do fígado e do trato gastrointestinal.

Dicas de preparo:

- Ferva um litro de água com duas colheres de sopa cheias de chá-verde seco. Quando a água começar a ferver, inclua o chá-verde

- Desligue antes de ferver, tampe e deixe descansar por 5 minutos

- Em seguida, coe e está pronto para ingestão

- Deve-se manter a bebida na geladeira ou numa garrafa térmica. Deve ser consumido em até 24 horas, enquanto suas características ainda podem ser aproveitadas.

Para contornar, seu gosto amargo a dica consumi-lo com suco de frutas, os suchás. É uma forma de atenuar o sabor acentuado da bebida.

Cuidados e contra indicações

A bebida contém altas quantidades de cafeína (potente neuroestimulante) e é diurético, por isso não deve ser consumida por:

- Crianças

-Gestantes

-Pessoas com hipertensão

-Pessoas com glaucoma e irritações gástricas

Um adulto deve consumir não mais do que 2 xícaras ou 300 ml da bebida por dia. Em altas quantidades, o chá pode levar à taquicardia, insônia e até alergia. Como reduz a absorção de ferro, cálcio e cobre, não se recomenda consumi-lo durante as refeições.

Por Thamirys Teixeira

Comente