Lutadores do MMA seguem dieta rigorosa para garantir vaga no ringue

Dieta rigorosa para lutadores do MMA

Foto: Reprodução mmatattoos.com

No sábado (27), o HSBC Arena, no Rio de Janeiro, vai sediar o UFC - Ultimate Fighting Championship. Quem já garantiu ingresso ou prefere assistir às lutas sentadinho no sofá, vai conferir a performance de alguns dos grandes nomes do MMA mundial, que inclui a participação de Anderson Silva.

Amanhã (26) é dia de pesagem. E quem não pretende estar acima do peso e correr o risco de não poder lutar, o jeito e manter o aderir a uma boa dieta.

Esta manhã, o lutador Marcelo Guimarães foi ao programa global "Mais Você ", comandado por Ana Maria Braga, e falou, entre outras coisas, sobre seu cuidado com o peso. Ele contou como foi sua dieta para conseguir lutar no campeonato que aconteceu em Itu, interior de São Paulo.

Um dia antes da pesagem, Marcelo tomou uma xícara de café com dois biscoitos de gergelim. Depois comeu 80 gramas de salada, 200 gramas de macarrão, 200 gramas de salmão sem sal e um suco de limão sem açúcar. "Agora são 14h30 e minha próxima refeição vai ser amanhã, por volta das 17h", diz.

Antes da dieta, ele estava com 89kg e até às 14h do dia seguinte ele precisava estar com 88kg para entrar na sauna e eliminar os 4kg restantes, chegando a 84kg, o limite da categoria. Feita a refeição, o lutador foi para o quarto. "Vou poupar o máximo de energia possível. Quanto mais tempo eu ficar deitado, menos fome eu vou sentir".

Enquanto se dirigia para a pesagem, Marcelo usou uma body sauna, uma roupa especial que ajuda o lutador a aumentar a temperatura corporal, suar mais e, consequentemente, a perder peso. Feita a pesagem, é hora de recorrer ao soro para se hidratar e comer batata doce, porque o corpo do lutador se carboidrata bem com este alimento.

A dieta de George Saint-Pierre

Outro lutador que precisou cuidar direitinho da alimentação para participar do UFC 129 foi George Saint-Pierre. Segundo o site oficial do MMA (www.lutamma.com), o lutador comumente pesava 88k e precisava estar com 77kg no dia da pesagem.


Orientado pelo treinador, Firas Zahabi, seis dias antes da luta, o GSP fez uma dieta baseada em legumes e proteínas, e seu ritmo de exercícios foi reduzido significativamente, para que o lutador pudesse eliminar uma quantidade maior de água do corpo.

Um dia antes da luta, GFS ficou na sauna. E no dia depois da pesagem, o lutador tomou uma bebida isotônica para recuperar o liquido perdido e carboidratos. Desse jeito, o GSP entrou no ringue com 95 kg.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente