Geração coca-cola: mais celulites e estrias entre as adolescentes

Geração cocacola mais celulites e estrias entre as

foto: A. Green/Corbis

Você já parou para analisar como era a alimentação da sua mãe ou da sua avó na adolescência? Com certeza vai notar que era totalmente diferente daquelas oferecida aos jovens de hoje. Mais ainda, já notaram como essas mesmas adolescentes já deixam aparecer temíveis estrias, celulites e até aquela indesejável barriguinha.

A culpa é, sem dúvida da alimentação repleta de açúcares, sal e gorduras, tão comum hoje em dia entre os jovens. "Hoje o consumo de alimentos industrializados ricos em gorduras e sódio é muito elevado. As causas do aumento de gordura na região abdominal e da celulite estão relacionadas ao excesso de carboidratos, gorduras e sódio, principalmente os originados de embutidos e enlatados", explica Rafaela Isis Reis Allevato, nutricionista e coordenadora do serviço de nutrição do Hospital San Paolo.

Ela ainda adiciona que as mulheres mais velhas não têm celulite. "Elas não tiveram tanta influência da junk food, ou seja, alimentos com alto valor calórico e gordura e níveis reduzidos de nutrientes. Hoje, todas as crianças consomem esse tipo de comida antes mesmo do primeiro ano de vida", relata Rafaela.

Com a ajuda dela, fizemos um comparativo dos tipos de alimentos comuns no cardápio dos adolescentes de gerações passadas com os dos jovens de hoje.

• Para se refrescar, eram consumidos sucos naturais que têm 60 calorias. Hoje, o refrigerante que tem 100 calorias é o preferido.

• Nas festas, eram servidos doces a base de frutas, como a figo em calda que apresenta somente 3 calorias. Atualmente, opta-se pelo famoso brigadeiro que tem 40 calorias.

• Para comer na escola, eram levadas frutas como maçã que possuem 64 calorias ou banana, 62 calorias. Enquanto crianças da atual geração comem na cantina da escola salgadinhos como a coxinha de 142 calorias.

• Nas refeições principais, os pratos eram coloridos com uma grande variedade de legumes e verduras, como beterraba e cenoura que têm 49 calorias. Hoje, come-se muita fritura, por exemplo, bife acebolado que possui 178 calorias.


Se quiser começar a se prevenir de estrias, celulite e daquela indesejada barriguinha, fique atenta às recomendações da nutricionista. "Algumas vitaminas e minerais ajudam. A vitamina B5 é cicatrizante; a vitamina C e o silício estimulam a produção do colágeno e, assim, protegem contra a ação dos radicais livres; e o zinco acelera o processo de cicatrização. Com certeza, a alimentação saudável aliada à prática de exercícios físicos auxilia na manutenção do corpo em forma."

Por Marisa Walsick (MBPress)

Comente

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?