Emagrecer comendo chocolate?

Emagrecer comendo chocolate

Perder peso e ficar com tudo em cima é o desejo de muitas, senão de todas as mulheres. E quem não consegue alcançar este objetivo apenas por meio de exercícios físicos e dieta balanceada recorre aos tratamentos estéticos.

Um deles, oferecido pela Oligoflora, batizado de Lipo Natural, pode reduzir em média 6,5 kg utilizando massagens redutoras com técnicas exclusivas, equipamentos modernos e o mais interessante: motivando o cliente a comer chocolate!

Mas calma, não é qualquer chocolate. Ele foi produzido exclusivamente para o tratamento. "O nosso bombom é composto por proteínas encontradas no feijão branco, que auxiliam na redução da absorção de carboidratos ingeridos diariamente pelo organismo. Ele pode ser encontrado nos sabores castanha de caju, castanha-do-pará, crocante e tradicional", explica Priscilla Galisteu, fisioterapeuta do suporte técnico da Oligoflora.

Funciona assim: o carboidrato que ingerimos se transforma em energia que, quando não é gasta, vira gordura. E é aí que entra o chocolate. Ele possui proteínas que são capazes de reduzir em até 20% a absorção dessa mesma gordura pelo corpo. "O recomendado é que o cliente consuma um bombom por dia, de preferência depois do almoço, que corresponde ao período em que comemos em maior quantidade", diz Priscilla.

Técnicas exclusivas

Antes de iniciar o tratamento, o cliente passa por um processo de desintoxicação. Nesta fase que dura três sessões, a Oligoflora prepara o organismo para receber os produtos e elimina as toxinas que possam atrapalhar a ação dos mesmos. "Durante as três sessões de desintoxicação, é importante que o cliente faça uma restrição alimentar, para que o tratamento seja mais eficaz", explica Priscila. Os produtos utilizados neste processo são feitos à base de extrato de planta e de micronutrientes, como enxofre e iodo.

A quebra da gordura se dá por meio de técnicas de massagem modeladora exclusivas, uso de mantas térmicas e de cristais de magnésio. "Usamos equipamentos que produzem calor, ativam a circulação do corpo e potencializam a penetração dos produtos", conta Priscilla.

Outra técnica aliada ao tratamento é o Mapa Metabólico. Nela são investigados os sintomas que roubam a qualidade de vida das mulheres e que podem interferir no aparecimento de problemas estéticos, como ansiedade, estresse e enxaqueca. "A partir dessa avaliação, utilizamos produtos específicos para cada pessoa. Eles serão aplicados na pele em todas as seções. Isso porque nossa política não é só oferecer tratamentos de beleza, mas promover o bem-estar das pacientes", afirma a fisioterapeuta.

O tratamento completo possui 15 sessões: três de desintoxicação e 12 de tratamento, sendo duas por semana com duração de uma hora cada. O preço médio do tratamento é de R$ 1.060, dividido em quatro parcelas. "Segundo nossas avaliações, a mulher perde de 500 g a 1 kg por semana", afirma Priscilla.


Não é recomendado que grávidas façam o tratamento, por conta da restrição alimentar. E para manter o corpo em forma depois das sessões, a fisioterapeuta dá as dicas: "a mulher deve manter uma dieta equilibrada e fazer exercícios físicos. Pode também utilizar gel para combate de celulite e gordura localizada", finaliza.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente