Dicas de compras para quem está de dieta

Dicas de compras para quem está de dieta

Foto: Tim Pannell/Corbis

Para quem está disposta a resistir a todas as tentações e manter uma dieta saudável, a prova de fogo é a ida ao supermercado. As gôndolas cheias de guloseimas calóricas são uma verdadeira tentação.

É como o nutrólogo da Clínica Healthme Gerenciamento de Perda de Peso, André Veirnert, diz: nas prateleiras dos supermercados se encontram os maiores inimigos da dieta. "Uma solução é montar uma lista certinha de compras para ajudar você a levar para casa alimentos saudáveis e a quantidade ideal para fazer as refeições do dia a dia", orienta.

Antes de sair de casa vá até a despensa e enumere os produtos que estão faltando. Pense também em cardápios variados para todos os dias da semana. Dessa forma é mais fácil acertar na quantidade e na variedade. "Faça compras sempre depois de uma refeição. Quando estamos com fome, tendemos a comprar alimentos em excesso e com maior apelo de saciedade", diz André.

Vale também começar as compras pelo setor de legumes, verduras e frutas. Assim o carrinho fica mais cheio com alimentos saudáveis, nos dando a impressão de que já compramos o necessário. E o nutrólogo acrescenta: dê preferência aos alimentos in natura, pois possuem todas as propriedades nutricionais. Os congelados perdem algumas destas propriedades, além de ter em sua composição conservantes e maior teor de sódio, o que podem causar hipertensão, retenção líquida e prejudicar o organismo. "Em casos esporádicos, nada impede seu consumo, mas não faça disso regra."

Outra dica do especialista é se atentar para o que se coloca no carrinho. Leia com calma o rótulo dos alimentos para verificar a quantidade e qualidade de gorduras (saturadas, insaturadas, trans), valor protéico, presença de corantes, se contém glúten e lista de nutrientes, como gorduras e açúcar, vitaminas e minerais. Cheque os prazos de validade, a qualidade da embalagem e também observe as diferenças entre os alimentos. Eles podem parecer iguais no preço, mas podem apresentar propriedades nutricionais bem diferentes.

Para ajudar você a não cair em tentação e nem errar na hora de fazer as compras, André Veinert explica como fazer boas escolhas nas prateleiras do supermercado:

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente