Delícias do inverno mais leves

Delícias do inverno mais leves

O inverno é a melhor época do ano para queimar gordura, pois o corpo é obrigado a manter a temperatura interna constante, independente do frio que faz no ambiente e esse processo usa gordura como energia.

Por essa razão você não é obrigada a abrir mão de todas as delícias do inverno. O programa do preparador físico Flávio Settani prega o prazer de um corpo bonito e em forma associado aos prazeres da vida, afinal, ninguém nasceu para comer só frango e salada.

Abaixo algumas das maneiras de consumir as comidas típicas de inverno de um jeito saudável, nutritivo e prazeroso, segundo Settani. Confira!

Fondue - A mistura de pão e queijo gordo é fatal e carne mergulhada numa panela de óleo (não importa qual) é pouco saudável, então experimente preparar um caldo como se fosse fazer um risoto, esquentá-lo bem e colocar os pedaços de carne dentro por pouco tempo, para que absorvam o sabor e fiquem ao ponto, sem cozinhar. Quanto ao fondue de queijo, só dá para liberar uma pequena quantidade e usando vegetais como brócolis e couve-flor ou no máximo pão de centeio.

Churrasco - Aqui não tem segredo, coma carne, salada e palmito assado, evite arroz, maionese de batata, pão e apenas uma quantidade pequena de farofa. Esqueça a cerveja tome caipirinha sem açúcar. É assim que magro come churrasco!


Pizza - Aqui a situação complica um pouco, mas vamos lá. Se a massa é inevitável, use recheios pouco calóricos, como atum, presunto magro e com boa vontade, mussarela de búfala. Agora, se quiser caprichar, troque a massa por finas fatias de berinjela e recheie como quiser.

Feijoada - O grande mito das dietas é, na verdade, o mais fácil de ser resolvido e saboreado. Divirta-se com as carnes, a couve e o feijão, tome batida de limão sem açúcar, se quiser farinha ou farofa detenha-se em uma colher pequena e elimine completamente o arroz. Tirando esse carboidrato nocivo sua feijuca continua super saborosa e sua cintura tão fina quanto antes.

Por Jessica Moraes

Comente