Cuidados Alimentares para a Saúde da Mulher

mulheres

Neste Dia Internacional das Mulheres aconselhamos a todas as mulheres que se preocupem mais com sua saúde, cuidando da alimentação, praticando atividade física e principalmente que se sintam bem e sejam felizes!

As estatísticas hoje em dia não são muito favoráveis para as mulheres com relação à obesidade. Sabe-se que uma parte significante da população brasileira está acima do peso e obesa. Dentro deste percentual, 40% das mulheres estão com excesso de peso.

A obesidade está associada a diversas doenças como diabetes, colesterol e triglicérides elevados (dislipidemias), hipertensão, doenças coronarianas, baixa-estima e até endometriose para as mulheres.

Para que você possa se prevenir de tais doenças, é importante que haja uma revisão dos seus hábitos alimentares diários. Pois, existem alguns nutrientes que são importantíssimos para a saúde da mulher. Fique atenta a eles:

Proteínas: responsáveis pela formação e manutenção dos tecidos, são fontes de energia e constituintes de hormônios, enzimas e anticorpos. As principais fontes de proteínas são aquelas de origem animal, como a carne, leite e derivados. Vale ressaltar que deve se dar preferência por carnes magras, como peixe e aves, que possuem menor quantidade de gordura saturada.

Retire a gordura ou a pele aparente. Opte por preparações assadas, grelhadas ou cozidas. Os peixes como o salmão ajudam a combater as doenças coronarianas devido ao ácido graxo ômega 3.

Ferro: importante mineral para as mulheres devido a sua perda referente ao período menstrual. Quando consumido juntamente com a vitamina C, sua absorção é ainda maior. Ex: a ingestão de um bife e um copo de suco de laranja. Os alimentos fontes de vitamina C são as frutas cítricas: laranja, morango, maçã, acerola e tangerina que são antioxidantes, ou seja, combatem os radicais livres, evitando o envelhecimento.

Betacaroteno: presente em vegetais alaranjados como cenoura e abóbora e em folhas verdes escuras como brócolis e espinafre. Ajuda na síntese de tecidos do corpo e possuem indóis, que previnem o câncer de mama.

Hortaliças Crucíferas: repolho, brócolis, couve de Bruxelas, rabanete, couve-rábano, couve-tronchuda, couve-chinesa e couve-flor. Elas aumentam as defesas orgânicas contra agentes cancerígenos.

Cálcio: é um dos mais importantes minerais para as mulheres, pois previne a osteoporose, que é uma doença caracterizada por perda de massa óssea com aumento do risco de fratura, freqüente em mulheres. Consumindo diariamente: leite, queijo, iogurte, vegetais de folhas verde escuras e peixes, você poderá prevenir ou minimizar a osteoporose.

Soja e derivados: possui isoflavonas que colaboram com a diminuição do colesterol e podem amenizar os sintomas da menopausa devido à sua estrutura de fitoestrógeno. O estrógeno é um hormônio feminino que se encontra diminuído durante a menopausa, causando alguns desconfortos como calores, secura na pele, insônia, mudança de humor, entre outros.

Fibras: a constipação intestinal é uma queixa freqüente. Para solucionar este problema procure beber muita água, de 2 a 3 litros todos os dias e aumente a ingestão de fibras como verduras, legumes, frutas, cereais e grãos integrais. Ingerindo bastante água e consumindo fibras, além de ajudar no trânsito intestinal, hidrata o corpo e ajuda na eliminação de toxinas pelos rins.

Faça do Dia Internacional das Mulheres, um dia inesquecível. E cuide-se para desfrutar das vantagens de ser mulher por um longo período!

Roberta Silva

Nutricionista - CRN-3 14. 113

Comente