Consumo de carne é aliado da prática esportiva

carne

Shutterstock

Todos os atletas sabem que é vital fornecer ao corpo os nutrientes necessários para obter energia para ajudar a alcançar as metas de desempenho do treino.

As pesquisas científicas continuam confirmando que um dos mais poderosos nutrientes para ajudar na força e sustentação de atletas é a proteína, especialmente a de alta qualidade, que é o tipo encontrado na carne bovina magra. O principal papel da proteína é construir e reparar tecidos corpóreos, como músculos e órgãos; dar suporte ao sistema imunológico; e ajudar a transportar mais vitaminas, minerais e outros nutrientes no corpo - exatamente o suporte nutricional necessário para treinar e competir.

Mitos sobre o consumo de carne vermelha precisam ser esclarecidos, comenta o nutrólogo Celso Cukier. "O organismo absorve melhor o ferro presente nas carnes vermelhas do que o ferro encontrado em alimentos de origem vegetal. Além disso, a carne vermelha é, também, fonte de proteínas, que são importantíssimas para o desenvolvimento dos músculos, órgãos e tecidos, durante a infância e contém zinco, um mineral que contribui para o bom funcionamento do metabolismo das proteínas, dos hidratos de carbono, dos lípidos e dos ácidos nucleicos", conclui o médico.

Atualmente a carne bovina é bem mais magra e traz uma quantidade de proteínas não só alta, mas que também é melhor aproveitada e absorvida pelo corpo. A carne reúne ainda todas as vitaminas lipossolúveis (A, D, E e K) e as hidrossolúveis do complexo B. "A absorção do ferro contido em vegetais é muito baixa e existe uma maior dificuldade de digestão desses alimentos. A carne vermelha tem maior absorção e contém todos os aminoácidos recomendados principalmente para os praticantes de atividades físicas ", completa.

Por Vila Mulher

Comente

Assuntos relacionados: atividade física proteína carne