Como retomar a dieta?

Como retomar a dieta

Quando se sai da rotina, seja por conta de merecidas férias ou de uma viagem de negócios, uma das coisas que dificilmente conseguimos manter é a dieta. Um prato típico irresistível já é motivo de sobra para deixarmos a dieta de lado. Entretanto, sempre é hora de retomar a boa alimentação, lembrando que ela deve estar atrelada à prática de exercícios físicos.

"A maneira correta é diminuir a ingestão de calorias e gorduras e aumentar a queima calórica", afirma a Dra. Marina Munhoz da Rocha Balzer, do Hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba. "Todo o processo de retomada da dieta requer muito esforço e determinação, visto que a pessoa deverá recomeçar o caminho já anteriormente percorrido. Tão importante quanto a perda de peso é a manutenção do peso corporal", completa a nutricionista Leila Kassab do HCor - Hospital do Coração.

Dra. Marina acredita que o grande erro cometido pelas mulheres na hora de retomar uma dieta é ficar com aquele imenso sentimento de culpa por ter ingerido algo a mais. "Existem pessoas que só porque comeram um bombom, acham que ‘acabaram’ com a dieta e a retomam somente na próxima segunda-feira", lembra.

"A ansiedade em obter resultados imediatos leva muitas pessoas a buscarem as chamadas dietas da moda com seus resultados ‘milagrosos’. Porém, a maioria desses procedimentos são desbalanceados do ponto de vista nutricional e podem gerar distúrbios sérios à saúde", alerta Dra. Leila.

"Geralmente, após atingir seu objetivo, a mulher para de fazer a dieta e retorna aos antigos hábitos alimentares, ganhando novamente peso e reiniciando o regime para perder os quilos a mais, entrando assim no chamado ‘efeito sanfona’, tão prejudicial a saúde", lamenta a especialista do Hospital do Coração.

A nutricionista do Hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba faz questão de acalmar as vilamigas dizendo que, mesmo quem precisa emagrecer, pode comer um pedaço de algum doce uma vez por semana ou um churrasco no final de semana. "Basta retomar o tratamento na refeição seguinte", sugere. "Não precisa deixar de comer certos alimentos para emagrecer (pães, massas, doces). Diminuir o volume já reflete em emagrecimento", completa.

Essas dicas são ideais para quem segue uma dieta rotineira. Para as mulheres que regulam a alimentação somente durante a semana, uma pausa curta ou longa não deve provocar muitas alterações, isso porque, segundo a da Dra. Marina, esse procedimento desregula o metabolismo.

"Quem precisa emagrecer e não cuida regularmente do que come, somente mantém o peso. Além de que o corpo ‘se confunde’, não encontra um ponto de referência e perde o ritmo de queima calórica", esclarece Dra. Marina.


Além de adotar um estilo de vida equilibrado, com hábitos alimentares saudáveis, Dra. Leila ressalta que a ajuda de um profissional, seja para começar ou retomar uma dieta é sempre necessário. Dra. Marina completa: "Faça mais refeições ao dia, sem deixar que a fome se acumule e opte sempre por alimentos mais nutritivos e ricos em fibras, pois saciam e aceleram o metabolismo."

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente