Ronaldo Fenômeno vira referência na luta contra a balança

Fenômeno na luta contra a balança

Foto/Divulgação TV Globo

Além das emoções de "Avenida Brasil", outro assunto que não sai da boca do povo é a participação de Ronaldo Fenômeno no quadro "Medida Certa" do "Fantástico". Mais do que acompanhar o desempenho do ex-jogador na luta contra a balança, os telespectadores podem enxergar nessa iniciativa um bom motivo para fazer o mesmo.

Reavaliar o que se coloca na mesa e no estômago deixou de ser moda ou frescura há um bom tempo. Aliada à prática de exercícios físicos, a dieta é a chave para quem deseja manter a saúde e o corpo bons. Esse conselho é reforçado constantemente pelos meios de comunicação, mas parece que só entra mesmo na cabeça das pessoas quando é falado por alguma celebridade. Eis aí o Ronaldo para comprovar!

Segundo a psicóloga Marisa de Abreu, feliz ou infelizmente, quando uma celebridade dá uma dica, um exemplo ou faz um comercial de um produto, o mesmo será consumido ou o comportamento será imitado de forma muito mais intensa do que se esta mesma ideia fosse transmitida por uma pessoa sem fama. Mesmo que a fama dessa celebridade não esteja ligada ao comportamento.

"No caso do Ronaldinho as boas atitudes serão copiadas mais intensamente, pois se trata de um atleta que demonstrará boas atitudes referentes ao bem-estar", aponta. Para a especialista, as pessoas que estão com a saúde comprometida pelo excesso de peso têm consciência que erram na alimentação e no sedentarismo e não precisam de ninguém dizendo que estão erradas. "Só precisam de pessoas que lhes digam que é possível mudar e o Ronaldo pode fazer isso muito bem."

O público costuma ter conceitos positivos em relação às celebridades, mesmo que elas não mereçam, acabam virando referência. "Tudo será copiado. O prato que come, os lugares que frequenta, a roupa que usa... Portanto, o exemplo sempre será positivo quando a celebridade incentivar hábitos saudáveis e comportamentos harmoniosos", diz a psicóloga.

Quem está acima do peso e disposto a fazer as pazes com a balança sabe que uma reeducação alimentar não é um processo fácil. E tem gente que nem sempre alcança os resultados no tempo planejado. Assim, vocês imaginam a responsabilidade que o fenômeno carrega nas costas, não é? "Se Ronaldo não conseguir será um tiro pela culatra, pois dará a uma quantidade muito grande de pessoas a desculpa para nem tentar entrar em forma, pois ‘se nem o Ronaldo conseguiu...’", lembra Dra. Marisa.

Ao mesmo tempo, a especialista tranquiliza, lembrando que perder peso pode ser uma meta árdua, mas não impossível. "Quanto mais o Ronaldo se comprometer publicamente, maior a possibilidade de sucesso. Estamos falando de um vício em comida e vícios são administráveis por nossa mente. Basta encontrar o caminho certo para mudar a própria cabeça."

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente