Einstein da nossa geração já nasceu, é mulher e tem 24 anos!

Saiba tudo sobre a brilhante Sabrina Gonzalez Pasterski, a nova promessa da ciência mundial
sabrina-gonzalez-pasterski

Foto: Reprodução

Uma jovem de apenas 24 anos tem conquistado o campo científico e está sendo comparada a gênios como Stephen Hawking e Albert Einstein. Trata-se de Sabrina Gonzalez Pasterski, que possui uma inteligência incomum desde muito cedo. As comparações feitas entre ela e grandes nomes da ciência não são em vão. Quando tinha apenas 14 anos, a garota construiu sozinha o seu próprio avião de motor único. 

Como se não bastasse, ao terminar a obra, ela fez questão de pilotar, entrando para a história como a pessoa mais jovem a conduzir uma aeronave. Sabrina levou dois anos para montar o avião, cuja construção foi documentada por ela no YouTube.


Formada na Illinois Mathematics and Science Academy desde 2010, Pasterski se inscreveu no renomado Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). De imediato, ela precisou esperar para ser aceita, mas, logo depois que professores da instituição viram o seu vídeo, foi aprovada. “Nossas bocas estavam penduradas depois de verificá-la. Seu potencial está fora das paradas”, afirmou, em entrevista ao Femalista, Allen Haggerty, um dos professores. Com apenas três anos no MIT, a jovem já atingiu a mais alta média de pontos de classificação, 5.0.

sabrina-gonzalez-pasterski

Foto: Reprodução

Atualmente, Sabrina, com seus 24 anos de idade, está investindo em seu doutorado na Universidade de Harvard, com total liberdade acadêmica. Para a surpresa de muitos, ela não está mais interessada em construir aviões; agora o seu maior interesse é pelos estudos da Física na análise de buracos negros e questionamentos sobre a gravidade. É partir daí que surgem as comparações do corpo docente com Einstein e Hawking, segundo reporta o jornal britânico Independent. A garota não nega o desejo de estudar a “gravidade quântica” e, caso suas pesquisas alcancem êxito, algumas descobertas poderão mudar a maneira como se entende o universo.

Paterski costuma registrar os seus estudos e pesquisas em seu site Physics Girl, e, em depoimento à revista Marie Claire, a jovem cientista incentivou o otimismo na busca dos sonhos. “Seja otimista sobre o que você acredita que pode fazer. Quando você é pequeno, diz muitas coisas sobre o que você fará ou será quando for mais velho. Eu acho que é importante não perder de vista esses sonhos”, disse.

sabrina-gonzalez-pasterski

Foto: Reprodução

No ano passado, Sabrina foi homenageada na premiação Young Women's Honors como destaque jovem na ciência e, na ocasião, as atrizes Mayim Bialik, de The Big Bang Theory, e Melissa Benoist, que interpreta a Supergirl, fizeram referência ao fato. Benoist introduziu a física com entusiasmo: "Ela é formada no MIT, e foi a primeira mulher em 20 anos a se formar como a melhor da turma. Ela está atualmente estudando para obter um PhD em Harvard e Stephen Hawking - sim, aquele Stephen Hawking - cita os artigos dela".

Enquanto segue no meio acadêmico, Sabrina já sabe que o mercado de trabalho está de portas abertas para ela. Jeff Bezos, fundador da Amazon e da empresa de astronáutica Blue Origin, afirmou que há uma disponível para a física quando ela quiser. Na universidade de Harvard, a "nova Einstein" tem uma bolsa para desenvolver suas pesquisas e liberdade do seu orientador para estudar o que quiser, como quiser. A independência e autonomia agradam a cientista. "É ótimo ter uma bolsa apenas para pensar. Eu tenho muito o que pensar", declarou.

Comente

Assuntos relacionados: mulheres poderosas inteligência estudos