Como lidar com pessoas difíceis

convivendo com pessoas difíceis

Conviver com as pessoas não é uma tarefa fácil e nem existe manual para essa situação. Pensando nisso, o livro "Como lidar com pessoas difíceis’’, de Christina Osborne, traz dicas de como identificar problemas nas relações, lidar com conflitos e pessoas difíceis e viver em paz com elas. Veja alguns desses truques:

Marido difícil - se ele está bravo demais para escutá-la, o melhor é evitar a discussão e adiar a conversa. Espere o momento certo para falar, em que os ânimos estão mais calmos e o diálogo trará mais resultado. Se a irritação e a impaciência dele for constante, isso poderá ser sinal de estresse. Procure ver no que pode ajudá-lo quanto a isso, mas não deixe que a tensão e o nervosismo dele ajam também sobre você.

Chefe mala - se ele faz perguntas demais sobre seu trabalho, isso pode significar que ele não está sendo bem informado. Atualize seu patrão com as informações necessárias do que você está fazendo e converse com ele sempre que tiver uma dúvida ou queira fazer uma sugestão. Isso atrai confiança e colaboração mútua.

Sogra intrometida - ignorar uma atitude inadequada da mãe de seu marido não vai adiantar nada. Tente mostrar a ela o que não gosta em suas atitudes e se necessário, chame-a para conversar, mas com todo respeito e educação. Exponha sua opinião de forma construtiva, propondo soluções.

Colega invejosa - não adianta alimentar o clima de tensão no ambiente de trabalho e fazer dele uma guerra. É preciso também manter o foco da própria imagem diante dos outros colegas. Ignore as provocações, mas mantenha o olho aberto, para que ela não puxe o seu tapete.

Filho rebelde - Se falar com seu filho não está adiantando, tente ouvir o que ele tem a dizer. Mostre estar atenta nas coisas que ele fala e mostre que as leva em consideração. Isso fará com que ele ouça mais os seus conselhos. E em vez de dar ordens, sugira atitudes ("Filho, que tal se..."). Isso sugere uma relação de parceria.

Por Jessica Moraes

Comente