Existe hora certa para malhar?

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Existe hora certa para malhar

Adequar os horários com o treino na academia é difícil para muita gente. Por conta disso muitas delas estendem a sua programação, às vezes, logo na madrugada já abrem as suas portas e permanecem à disposição até depois da meia noite.

Dessa forma cada um encontra o seu melhor horário para malhar. Assim como Fabiana Almeida, 30, muita gente opta por alguma atividade logo pela manhã. "Acordo muito cedo, lá pelas seis, e vou direto para a academia. Faço esteira e musculação. É uma forma de me sentir mais disposta para encarar o dia", diz. De fato, para certas pessoas a prática logo pela manhã ajuda na recuperação do organismo.

Mas não é por conta disso que você deve sair de casa sem um bom café da manhã. "Melhor se for uma alimentação leve e de fácil absorção, como frutas, sucos e farelos (aveia e linhaça, por exemplo)", recomenda Adriano Marins, coordenador de musculação e ginástica localizada da Academia da Praia.

Isso porque a atividade física acelera o consumo de glicose e o risco de uma hipoglicemia acontecer é grande. O baixo rendimento durante a prática também outra conseqüência. "Por isso, a primeira alimentação deve ser rica em carboidratos, para oferecer energia ao treinamento. É sempre bom aguardar pelo menos 30 ou 45 minutos, no caso das refeições leves, antes de começar o exercício, pois há também o risco de náuseas. E nunca treinar em jejum", indica Rodrigo Assi, preparador físico, professor de educação física e treinador do Core 360° - treinamento funcional.

Quem opta pelo período da tarde, muitas vezes se sente mais forte durante o treino, pois a temperatura do corpo costuma ser mais alta com o passar do dia. Em muitos casos isso pode contribuir, principalmente, para exercícios como musculação, considerado anaeróbico. O contrário ocorre com as atividades aeróbicas, entre elas, esteira e ciclismo, mais indicadas para quem quer perder peso.

O professor esclarece que não existe um período do dia em que o consumo de calorias é maior, na verdade o treinamento realizado é que vai determinar o seu consumo. "Temos que respeitar o metabolismo de cada indivíduo, cada um responde de formas diferentes, independente da hora do treinamento", aponta.

Se as atividades estão programadas para depois do almoço, vale uma dica importante do preparador físico: espere pelo menos uma hora, pois é nessa refeição que nos alimentamos com comidas mais pesadas. "Também não vale sair correndo do trabalho no fim da tarde e comer uma barrinha de cereal poucos minutos antes do treino. É preciso comer algo mais substancioso e aguardar pelo menos meia hora", acrescenta.

Para muita gente fica mais fácil fazer exercícios no final do dia, pois nunca se sabe qual é o horário certo de sair do trabalho. "Nessa hora do dia eles podem, inclusive, ajudar a se desligar do trabalho e desestressar antes de dormir", acrescenta Marins.

Além disso, com o cansaço fica mais fácil na hora de pegar no sono. Entretanto, em muitos casos o efeito poderá ser o inverso. Com a endorfina em alta, liberada pela atividade, muita gente sente dificuldade em dormir. Neste caso é melhor reservar duas ou três horas antes para o corpo desacelerar. Segundo Marins, o exercício físico gera agitação e aumenta metabolismo, assim o organismo demora para voltar ao normal.

"Outra vez temos que ter o cuidado com a alimentação depois do treinamento. Ela deve ser leve, mas nunca durma sem se alimentardepois de um treino", ressalta o preparador físico.


Rodrigo afirma que cada um deve fazer várias tentativas e observar em quais horários se sente melhor após a atividade física, seja para começar o dia mais disposto ou para evitar a insônia. "É tudo muito particular, na há o horário ideal. Cada organismo se adapta de um jeito. Vários estudos comprovam que não há diferença em treinar de manhã, a tarde ou a noite". O mais importante é não fugir da academia e manter a sua rotina de exercícios físicos.

Por Juliana Lopes

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente