Esportes de praia exigem cuidados com lesões

Esportes de praia exigem cuidados com lesões

No verão é mais comum praticar atividades na praia. Pois os esportes de praia, como frescobol, voleibol e natação exigem alguns cuidados para prevenir lesões. O alerta partiu do Hospital das Clínicas da FMUSP, na capital paulista.

Especialistas do Instituto de Ortopedia (IOT) apontam que os esportes de verão, praticados pelas pessoas na praia durante o período mais quente do ano, são responsáveis por um aumento de 20% a 30% no fluxo dos consultórios, devido à falta de preparo físico e de instruções para a prática de esportes. Arnaldo Amado Ferreira Neto, chefe do Grupo de Ombro e Cotovelo do IOT-HC-FMUSP afirma que "as lesões nos ombros são mais frequentes nesta época do ano".

Esportes como natação, surfe, voleibol e frescobol são os esportes mais escolhidos pelos turistas que vão à praia. Segundo o médico, eles são as causas mais comuns de lesões nos ombros. "A falta de preparo e o exagero das atividades podem criar processos inflamatórios, degenerativos e também lesões mais graves como fraturas e luxações", alertou o ortopedista.

A prática regular é a melhor maneira de prevenir lesões causadas por esses esportes. NO entanto, respeitar os limites do corpo é uma boa dica para quem não é atleta. "Começar de maneira moderada as atividades pode ajudar a preservar as estruturas do ombro e prevenir lesões", concluiu.

Confira algumas dicas do especialista do HC para evitar lesões físicas no membro superior:

- Iniciar a atividade de aquecimento com uma curta sessão de corrida, bicicleta ou caminhada (5-10 min).

- Alongar de 30 a 45 segundos cada grupo muscular da região do ombro e cotovelo, respeitando seus limites articulares.


- Movimentar ativamente as articulações em todas as direções (cinco repetições de cada movimento).

- Simular gestos esportivos, como arremesso, braçada (de duas a quatro repetições, sem impacto ou cargas exageradas).

Por Catharina Apolinário

Comente

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?