Emagreça, não perca peso!

Emagreça não perca peso

Foto: Innocenti and Lee/Image Source/Corbis

Vocês já repararam que é só falar em emagrecer as pessoas já correm para ver seu peso na balança? Pois é, apesar da perda de peso ser bastante relacionada ao emagrecimento é preciso entender que, apesar do que todo mundo pensa, eles não são sinônimos. Ou seja, emagrecer não é a mesma coisa que perder peso.

De acordo com o fisiologista e personal trainer, Givanildo Holanda Matias, perder peso tem uma relação apenas com a diminuição da massa corporal total, onde é observado o resultado negativo na balança. Já o emagrecimento está relacionado apenas à redução de qualquer quantidade de gordura corporal.

Não foi o suficiente para te convencer que dá para emagrecer sem perder peso? Segundo o especialista, a principal confusão ocorre porque as pessoas não entendem que é possível perder peso sem emagrecer. "Em alguns casos pode até acontecer de reduzir o peso na balança e engordar porque a quantidade de gordura corporal ao invés de reduzir aumentou", afirma Matias que faz questão de esclarecer que, sem dúvida nenhuma, o mais saudável é emagrecer ao invés de perder peso, uma vez que é a quantidade de gordura em excesso que traz vários riscos de problemas de saúde, juntamente com um enorme desconforto estético.

Se você quer emagrecer, mas não sabe o que fazer para atingir seu objetivo de forma saudável, o personal trainer explica que para reduzir medidas (e não peso) é essencial que se pratique atividades físicas com predominância dos exercícios aeróbios onde o principal substrato energético utilizado é a gordura, mas não esqueça de desenvolver o trabalho muscular para fortalecer os músculos e não perder a massa muscular. "Pessoas que só realizam atividade aeróbia correm o risco de junto com a gordura perder massa muscular e isso pode ser considerado como um prejuízo na maioria dos casos", explica.

Para quem quer emagrecer num passe de mágica e acha que o segredo para conquistar o objetivo é passar horas a fio sem comer, saiba que estudos mostram que pessoas que buscam reduzir medidas apenas à base de dieta chegam a ter 50% da redução do peso devido a perda de massa muscular, o que não é nada bom. "O mais interessante é associar uma boa alimentação e atividades aeróbias ao trabalho de fortalecimento muscular", diz Matias.


Então, para não perder massa muscular durante o processo de emagrecimento, Matias diz que duas coisas devem ser evitadas: "a falta do trabalho muscular como a musculação, ginástica localizada ou pilates, assim como um grande volume de treino para pouca alimentação. É comum pessoas que querem emagrecer ficarem mais de 2 horas malhando e reduzir bruscamente a ingestão de alimentos. Essa situação pode fazer o organismo usar, além da gordura, a massa muscular como fonte de energia".

Por Paula Perdiz

Comente