Combata a gordura localizada

combatendo gordura

Ambos os sexos reclamam de gordura localizada, pois este é um fato que atinge homens e mulheres.

As mulheres costumam acumular mais gordura nos quadris, glúteos e barriga estando relacionada com a herança genética e fatores hormonais. Já os homens apresentam menor incidência de gorduras localizadas, mas tendem a acumular tecido adiposo principalmente no abdômen.

Essa localização é determinada por fatores hormonais e fazem parte das características sexuais. Entretanto, o excesso de gordura nessas regiões pode ser evitado com uma dieta balanceada e exercícios regulares.

Todo obeso tem gordura localizada, mas nem toda pessoa que possui gordura localizada é obesa. Você pode verificar pessoas com um corpo bom esteticamente falando, mas que possui gordura localizada em algumas partes do corpo.

Quando você emagrece, há um emagrecimento geral do corpo, melhorando a forma física, mas ficam algumas partes onde se tem mais dificuldade em diminuir a gordura. Estas gorduras normalmente se alojam na região do abdômen, coxas, culote, costas e braços.

Algumas pessoas engordam e tem uma tendência de acumular mais gordura em determinadas partes. Depois de acumulada, esta gordura é difícil de ser retirada e em alguns casos apenas uma lipoaspiração resolve o problema.

O exercício físico e a gordura localizada

A combinação mais eficiente para combater estas gorduras extras é sem dúvida o exercício com peso (musculação entre outros) de 4 a 5 vezes por semana e os exercícios aeróbios de 6 a 7 vezes por semana.

Já dissemos que quanto maior a intensidade do exercício, maior a queima calórica e de gordura. Além disto, aumentando a massa muscular, você acelera o seu metabolismo e diminui a % de gordura.

Assim, se torna essencial conciliar a dieta, exercícios físicos e tratamentos estéticos. É importante fazer uma avaliação do seu caso e ter o acompanhamento de profissionais especializados: nutricionistas, professores de educação física, fisioterapeutas, esteticistas e médicos (dermatologista, cirurgião plástico, cirurgião vascular).

Comente

Assuntos relacionados: sexo atividade física gordura localizada