Você gosta de gatos?

Você gosta de gatos

Foto Divulgação

Gatos. Há quem ame tê-lo como animalzinho de estimação e há os que odeiam o bichano. Seu ar misterioso e seu espírito livre lhe renderam a fama de traiçoeiro e egoísta. A jornalista Yara Rocca é dessas pessoas loucas por gatos, tanto que até escreveu o livro “Deixe um gato surpreender você”, uma apaixonada defesa desse animal às vezes incompreendido.

A "gateira" fanática tenta explicar a quem não gosta de gatos que eles são, sim, companheiros maravilhosos, mas que, diferentemente dos cães, às vezes precisam de um "manual de instruções" para serem entendidos e amados.

Além dos dados históricos sobre gatos, Yara fala das regras para quem quer tê-los em casa, lista de doenças felinas, curiosidades e textos engraçadinhos sobre bichanos. Ficamos sabendo, por exemplo, que existem cerca de 14 milhões de gatos no Brasil (contra 27 milhões de cães) e que o preconceito de muitas pessoas contra os gatos tem origem histórica na Idade Média. Alguns mitos, como o das sete vidas (no Egito, eram nove), são explicados com humor.

Gatos de rua

Foto Karina Conde

Um dos pontos altos é o texto (adaptado) do cronista Ruy Castro que investiga o suposto sentimento "antigatos" de Walt Disney, que teria predisposto gerações de crianças contra os gatinhos. Afinal, você nunca tinha parado para pensar por que é que, no filme "Cinderela", o gato se chamava Lúcifer?

E o também cronista Arthur da Távola, no saboroso "Simplesmente Gatos", acha uma definição bem bacana para os bichinhos: "O gato é um italiano educado na Inglaterra. Sente como um italiano, mas se comporta como um lorde inglês."

Quem está ensaiando entrar no mundo dos gatos ou quem já é elurófilo (amante de gatos, sabia?) já tem uma boa dica de leitura.

Por Karina Conde

Comente