Qual é a mulher de hoje?

A nova mulher do século XXI

O Dia Internacional da Mulher é uma data que remete à reflexões. A mulher mudou mesmo? Qual a sua contribuição na sociedade?

No passado, a mulher era educada para desempenhar apenas as três funções básicas: esposa, dona de casa e mãe. Porém, com o passar do tempo e o desenvolvimento da sociedade a mulher assume diferentes papéis, e atua nos mais variados contextos de vida, fazendo sempre uma grande diferença para ela mesma e para o mundo.

As mulheres, de forma geral, conquistaram grande respeito na sociedade como um todo a partir da sua atuação de excelência nos mais variados contextos da vida, desempenhando múltiplos papéis e até conquistando espaços nunca antes imaginados pelo feminino.

Apesar disso, sabemos também que ainda tem muitas mulheres que se intimidam ou resistem a se expressar com toda a sua grandeza, muitas vezes em virtude da incompreensão de alguns pontos. Assim, a coach e especialista em comportamento humano, Roselake Leiros, diretora da CrerSerMais Desenvolvimento Humano, lista 10 sugestões para se obter o sucesso na vida multitarefa feminina:

Conquista de espaços - Mesmo no século XXI, ainda existem pessoas com essência machista, que pensam que as mulheres não são capazes de realizar tarefas antes julgadas tipicamente masculinas.

Em situações assim, a melhor saída é impor-se com elegância e sutileza, revelando todo o seu potencial e conquistando o que é seu de direito.

Polivalência - Ao mesmo tempo exercer o papel de mãe, filha, esposa, profissional, estudante, cidadã, entre outros, mas mantendo sempre a responsabilidade de desenvolver o seu EU integralmente. Manter-se equilibrada, saudável e sempre de bem com você mesma para poder realizar todas as atividades com inteireza e sucesso.

Relógio x Tarefas - Com tantas responsabilidades em um único dia é preciso programar o tempo. Se você possui dificuldades, utilize agenda, escreva lembretes, coloque o celular para despertar, etc, mas tenha assim o seu dia programado hora a hora e a certeza de que o seu precioso tempo será melhor aproveitado na realização das coisas importantes da sua vida.

Reconheça os limites - Cuidado. Apesar do número de atividades que você possui, lembre sempre que você é um ser humano e não uma máquina. Olhe-se de fora e avalie se está conseguindo realizar as tarefas prioritárias com qualidade e se consegue manter-se saudável e equilibrada. Se não, reveja seu planejamento diário, semanal, mensal, e assim por diante, até ajustar-se.

Manutenção dos papéis - Verifique se você está se desenvolvendo em todas as áreas da sua vida ou está negligenciando alguma. Mesmo que você queira se desenvolver mais em alguma área ou papel, você pode potencializar as atividades ligadas a isto. Mas ainda assim o desenvolvimento integral deve ser fortemente considerado, pois é ele que traz harmonia e paz consigo mesma e com a vida, e esse é o melhor estado para que as coisas boas aconteçam.

Respeito aos direitos e deveres de cada um - É comum percebermos a mulher querendo assumir tudo para si, poupando as pessoas que elas gostam. Esse é um ponto que precisa ser observado de perto. É imprescindível que você mulher desenvolva a capacidade de deixar que cada um assuma a sua parte das coisas, para que aprendam e se desenvolvam. Principalmente filhos e maridos. Que eles assumam seus deveres e tenham seus direitos garantidos. Lembre-se: você não é a mulher maravilha, a faz-tudo ou o centro do mundo!

Fluidez da sua natureza de mulher - Independente da situação, nunca perca a essência feminina, não deixe que a sua força, garra, coragem, perseverança, inteligência, lógica e discernimento, abafem sua sensibilidade, suavidade, harmonia e beleza de mulher.

Reconhecimento de seu potencial - Nada e nem ninguém é capaz de colocar seu potencial em dúvida. Seja segura da sua capacidade de ser uma mulher do século XXI, aquela que busca o que quer e faz a diferença.

Equilíbrio - Este é o segredo de como ser e assumir esta nova identidade da mulher. É preciso ter equilíbrio, sem deixar que nada escape. Lembre-se: cuide sempre de você e daqueles que ama, com atenção e carinho; trabalhe na profissão que ama e acima de tudo deixe a essência da verdadeira mulher falar mais alto.

Ser mulher é uma tarefa extremamente delicada, mas com certeza, cada uma tem achado a melhor maneira de viver e ser feliz.

Por Jessica Moraes

Comente