Primeiro e-reader brasileiro

Primeiro ereader brasileiro

Foto: reprodução

A Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que rola até o próximo dia 22, sempre traz novidades para o publico interessado em literatura. E desta vez, um dos principais lançamentos alia tecnologia e literatura: o Mix leitor-d. O produto, criado pela Mix Tecnologia e a Carpe Diem Edições e Produções é o primeiro leitor eletrônico de livros com tecnologia de software nacional e patente requerida no segmento de e-readers no Brasil.

O e-reader tem ainda o maior acervo de conteúdo em português. Isso quer dizer que ao comprar o leitor eletrônico de livros o consumidor recebe centenas de e-books incluídos, ou seja, dentro de um tablet com uma tela de 6 polegadas e 260 gramas dá para carregar um biblioteca. O Mix leitor-d possui ainda teclado Qwerty, bateria altamente durável de quase quinze dias, memória de 128 Mb ROM e SDCard incluído de 2Gb que pode ser expandido até 16Gb.

O e-reader vem também com o aplicativo Kertas, criado para o gerenciamento e organização da biblioteca de livros digitais. Com ele o usuário pode detectar, identificar e sincronizar seu computar com o Mix leitor-d. Além disso, pode organizar seus locais de downloads de conteúdos na web, fazer cadastro em livrarias e sites.


A novidade pode ser comprada presencialmente na Bienal do Livro (que acontece Pavilhão de Exposições do Anhembi) ou pelo site www.mixleitord.com.br. O preço é R$ 890,00 e pode ser parcelado.

Por Larissa Alvarez

Comente

Assuntos relacionados: compras tecnologia literatura bienal do livro