Os Blocos de Carnaval mais legais do RJ e de SP

bloco de rua carnaval

foto: Farm Rio

Carnaval já tá aí batendo na porta e você ainda não se programou? A melhor pedida pra última hora é montar a fantasia e se jogar nos bloquinhos de rua! E a gente separou os mais divertidos e tradicionais que rolam nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. Vai ficar de fora dessa? Embarque na folia!

São Paulo

31 de janeiro – Sábado  

Banda Grande Família

Local: Av. Coronel Manuel Py em frente ao Nº 329 – Lauzane Paulista

Horário: 10h

A Banda Grande Família foi fundada há 34 anos por um grupo de amigos do bairro. Desde então, pais, mães, filhos, primos, tios, sobrinhos e avós brincam o Carnaval ao som de uma banda e uma bateria.

01 de fevereiro – Domingo

Casa Comigo

Local: Rua Beatriz, Vila Madalena

Horário: 11h

Marchinhas e música romântica em ritmo de samba estão no repertório para favorecer os amores de Carnaval.  As mulheres costumam ir de véu, grinalda e buquê para conquistar um noivo.

7 de fevereiro – Sábado
bloco de rua carnaval

Sargento Pimenta | foto: reprodução

Sargento Pimenta e Bangalafumenga 

Local: Avenida Paulo VI (continuação da Avenida Sumaré – Sumaré) 

Horário: 10h (Banga desfila às 11h e Sargento Pimenta, às 15h)

O Banga, como é conhecido, surgiu em 1998 no Rio de Janeiro.  Desembarcou em São Paulo em 2011 com uma oficina de percussão.  O bloco, com 200 ritmistas, traz canções de seu líder Rodrigo Maranhão, além de músicas de Gilberto Gil, Lenine e Alceu Valença.  Já o Sargento Pimenta estreou no Carnaval carioca em 2011 misturando ritmos percussivos e músicas dos Beatles. Desde 2013, o bloco se apresenta em São Paulo junto com o Bangalafumenga.

8 de fevereiro – domingo

Acadêmicos do Baixo Augusta

Local:  Rua Augusta com Dona Antonia de Queiroz  - Consolação

Horário: 14h

Com o tema “Desbunde na Augusta”, o bloco desfila em 2015 contra a caretice. Neste ano, o Baixo Augusta vai estrear sua banda comandada por Wilson Simoninha. No carro de som, a DJ Tata Aeroplano agitará a turma.  A atriz Alessandra Negrini segue como rainha do bloco e Tulipa Ruiz como Madrinha.

11 de fevereiro – Quarta-feira
bloco de rua carnaval

Acadêmicos Baixa Augusta | foto: reprodução

Banda do Candinho

Local: Rua Santo Antônio com a Rua 13 de Maio, Bela Vista 

Horário: 18h

A tradicional banda toca arrasta há 34 anos foliões ao som de marchinhas pelo bairro do Bixiga. Passistas animam o público durante todo o percurso. Neste ano, o tema do bloco é “Nunca é Tarde para ser feliz.”

Rio de Janeiro

8 de fevereiro

Suvaco do Cristo

Local: Rua Jardim Botânico com a Faro, Jardim Botânico 

Horário: 10h 

A irreverência dos blocos – e, na maior parte, do nome deles – garante a alegria desses foliões no carnaval. Um dos nomes mais engraçados é o Suvaco do Cristo, que se inspirou em um comentário de Tom Jobim, falando que o mofo da sua casa se devia à sua localização, debaixo do “suvaco” do Cristo Redentor. E como o lugar dos ensaios do grupo ficava debaixo do suvaco esquerdo, nada melhor para dar nome ao bloco.

bloco de rua carnaval

Suvaco do Cristo | foto: reprodução

14 de fevereiro – sábado de carnaval

Cordão do Bola Preta

Local: Rua Primeiro de Março com Rua do Rosário

Horário: 9h30 

O Bola Preta é o bloco de carnaval mais antigo do Rio de Janeiro! Suas cores são branco e preto, e o uniforme oficial é qualquer roupa branca com bolinhas pretas. Muita gente aproveita o clima e vai fantasiada e até montam alas durante o desfile!

Banda de Ipanema

Local: Praça General Osório, Ipanema

Horário: 17h30 

O bloco Banda de Ipanema surgiu em 1959, É um dos mais conhecidos, animados e irreverentes blocos de rua do Rio. A Banda de Ipanema é um espaço que reúne democraticamente jovens, velhos, ricos, pobres, gays, heterossexuais, famosos, anônimos, travestis, senhoras de família, crianças, convivendo amigavelmente, todos os tipos brincado juntos o carnaval. O bloco sai da Praça General Osório, em Ipanema.

15 de fevereiro – domingo de carnaval

Simpatia É Quase Amor 

Local: Praça General Osório, Ipanema 

Horário: 16h 

O bloco “Simpatia é quase Amor” desfila pela orla de Ipanema arrastando uma multidão calculada em cerca de 20 mil pessoas por desfile. As cores do bloco são o amarelo e o lilás, inspiradas no remédio Engov, famoso entre os foliões para evitar ressaca.

22 de fevereiro - domingo

Monobloco

Local: Av. Presidente Vargas – altura da Rua Tomé de Souza, Centro

Horário: 9h 

O  Monobloco, projeto do cantor e compositor Pedro Luís junto com a banda A Parede, desde 2000 toca marchinhas e clássicos do samba, desfilando pelas ruas cariocas, pra fechar o carnaval em grande estilo. 

Por Jessica Moraes

Comente

Assuntos relacionados: carnaval