Mitos e verdades sobre a água oxigenada

Você, com certeza, deve conhecer ou até mesmo já deve ter usado a famosa água oxigenada! Ela é indicada para diversas situações, porém nem todas as funções atribuídas a ela são verdadeiras. Além disso, ainda pode acabar sendo prejudicial. Então, é preciso tomar muito cuidado ao usá-la, pois existem mitos sobre os seus benefícios.

No começo do século 20, como ainda não havia antibiótico, muitos soldados morriam em decorrência de infecções. Pensando em uma solução que pudesse salvá-los, químicos começaram a colocar água em ferimentos abertos, que formavam uma espuma. Continuando as pesquisas, descobriram que essa espuma resultava da liberação de oxigênio livre e que esse oxigênio tinha a propriedade de matar as bactérias e os fungos. Assim, foi criada a água oxigenada em 1920.

Mika Yamaguchi, farmacêutica e consultora técnica da Biotec Dermocosméticos, empresa brasileira especializada em ativos e conceitos dermocosméticos, aponta os mitos e as verdades sobre esse líquido que ajudou a salvar vidas.

Passar água oxigenada em ferimentos evita infecções e ajuda na cicatrização.

Verdade. A água oxigenada funciona como um desinfetante, higienizando o local e matando os microorganismos. Ela também é conhecida como peróxido de hidrogênio, molécula que quando entra em contato com a pele é quebrada por uma enzima e, então, libera oxigênio ativo que reage com os microorganismos. Dessa forma, evita infecções e também auxilia no processo de cicatrização.

Um pouco de água oxigenada na água do banho ajuda a manter a pele saudável.

Se você tiver uma infecção por bactérias e fungos, é valido. Caso contrário, haverá a eliminação do microbioma saudável da pele, o que causará desequilíbrios, podendo provocar coceiras e irritações.

Água oxigenada misturada com água comum pode ser pingada no nariz em resfriados e sinusites.

Em relação à sinusite e ao resfriado, depende muito, pois temos fonte viral e bacteriana. Novamente, a proporção deve ser correta, pois pode causar danos a mucosa nasal e torná-la mais sensível e irritada.

Água oxigenada nos pés evita problemas de frieiras e fungos que causam o mau cheiro (chulé.

Verdade. Se utilizada de forma correta, matará os microorganismos que são os responsáveis pelo mau cheiro. Mas, lembre-se que sempre deve ser utilizada na proporção correta, pois pode manchar a pele.


A água oxigenada pode ser usada para bochechos e, se mantida na boca por alguns minutos, mata todos os germes bucais, branqueando os dentes.

É preciso muito cuidado, pois uma solução de água oxigenada deve estar na proporção correta para não causar danos às gengivas, torná-las mais sensíveis ou até agravar gengivites. Sempre utilize os enxaguantes bucais que contêm na sua composição uma concentração correta de água oxigenada.

Água oxigenada faz os pelos crescerem

Mito. Na realidade, somente clareiam os pelos, não estimulando o seu crescimento.

Por Marisa Walsick (MBPress)