Katie Piper: um novo rosto

Um novo rosto para Katie Piper

Katie antes do ataque, em 2009 após algumas cirurgias e atualmente. Foto/Reprodução Daily Mail

A modelo britânica Katie Piper comoveu o mundo com uma revoltante história passional. Em 2008 ela foi atacada por um homem, pago pelo seu ex-namorado, que jogou ácido em seu rosto. Desfigurada, a modelo perdeu a visão no olho esquerdo e passou 12 dias em coma. Mas esta semana, em uma cerimônia de premiação da TV britânica, ela fez uma aparição surpreendente. Pouco mais de três anos depois do ataque e após 80 cirurgias para recuperar suas feições, a modelo posa para fotos com seu novo rosto.

Ás vésperas de completar 28 anos, Katie agora está à frente de sua própria fundação, dedicada a pessoas que sofreram desfiguração, como ela. A modelo ainda estrelou um documentário sobre sua história e escreveu uma biografia.

O caso Katie

Katie conheceu o ex-namorado Daniel Lynch pelo Facebook. Logo nos primeiros encontros, ele declarou o seu amor, mas também mostrou o seu ciúme doentio. Duas semanas depois, assustada com esse comportamento, ela preferiu terminar o relacionamento - foi quando ele a estruprou. Apesar do ocorrido, ela não deu queixa à polícia. Caso tivesse feito isso saberia que o ex-namorado já havia cumprido pena por jogar água fervendo no rosto de um homem.

O segundo ataque foi planejado cuidadosamente. Daniel ligou para Katie e marcou um encontro. Katie foi até o local combinado e próximo ao local um homem contratado por Daniel se aproximou com um copo na mão. Pensado que ele estava pedindo dinheiro, Katie abaixa o rosto para abrir a bolsa, quando o homem lhe joga ácido sulfúrico no rosto.


O ácido penetrou em três camadas da pele causando queimaduras de terceiro grau no seu rosto, pescoço, colo, parte superior dos braços, pulsos e mãos. Katie ainda perdeu a visão do seu olho esquerdo. Ambos, o namorado e o homem pago por ele, estão presos e devem cumprir no mínimo 16 anos e 12 anos de prisão, respectivamente.

Por Catharina Apolinário

Comente