Incensos naturais para um ambiente agradável

incensos naturais para um ambiente agradável

O incenso, fumaça aromática que muitas vezes é associada a ritos espirituais, também serve para limpar e purificar o ambiente, tornando-o mais aconchegante, acolhedor. Mas é preciso saber usá-lo para que o ar não fique pesado, ao invés de ficar convidativo e agradável, que é sua principal finalidade. Os aromas dos incensos feitos de ervas e óleos essenciais podem relaxar e até aumentar a nossa energia, oferecendo também momentos de paz e tranquilidade.

Segundo o especialista em incensos e produtos nativos Eugênio Carlos, não existe uma forma especifica de como acender um incenso ou defumar a casa, mas sim uma intenção específica. Ele diz que a melhor maneira seria somente de ficar em silêncio. Para fazer uma limpeza no ambiente, ele recomenda o uso de sálvia branca ou cedro junípero. Já para harmonizar, a resina de Olíbano e incensos de rosas, jasmim e dammar são mais indicados.

É comum as pessoas exagerarem no incenso e muitas vezes acendê-los várias vezes ao dia, o que ao invés de defumar com equilíbrio lugares arejados e ventilados, deixa a casa aromatizada em excesso, afetando até mesmo a tranquilidade dos moradores. O especialista aconselha que também é prudente usar incensos naturais ou resinas in natura, para serem queimadas em carvão, ao invés de incensos comprados em lojas esotéricas.

"São aqueles incensos comerciais finos à base de essências sintéticas e petrolatos, ou seja, derivados de petróleo, que não trazem grandes benefícios", explica. Incensos naturais, ou em resinas e gomas, que são acesos em um carvão especial e de preferência em recipientes de cerâmica são os melhores, mas sempre buscando saber qual sua origem.


Por Jessica Moraes

Comente