Fotografe os momentos simples da vida

Fotografe o dia a dia em vez de apenas registrar momentos marcantes
fotos-memoria

Foto - Shutterstock

Você (e quase 100% da Internet) adora registrar os momentos mais mágicos que fazem parte do dia a dia: casamentos, formaturas, viagens. Mas uma pesquisa mostra que fotografar coisas simples, ordinárias, pode nos marcar mais do que esses eventos especiais.

De acordo com pesquisadores da Harvard Business School, as pessoas costumam subestimar os pequenos momentos cotidianos. Por mais que seja legal registrar em foto um novo emprego, ou a mudança para uma nova casa, aposto que você também fica emocionada com aquelas fotos antigas de quando era mais nova.

Não somente as fotos de aniversário, mas as das reuniões de família aos domingos e daquele passeio no parque com os filhos. Nostalgia pura, não?

O estudo

Com tanta tecnologia em mãos, deveria ser mais fácil para nós registrarmos esses detalhes diários, mas não é bem assim que acontece. Segundo um dos autores do estudo, Ting Zhang, perdemos a oportunidade de manter momentos com grande valor emocional. E ele diz isso com conhecimento de causa: “eu estava revisitando algumas fotos antigas quando percebi que a maioria delas retratava festas de aniversário, feriados e férias de verão. Nesse álbum, pouquíssimas fotos mostravam o dia a dia da minha família e sempre que passava por um desses retratos, sentia um sentimento de surpresa muito especial”, afirmou.

A partir disso ele e mais um grupo de amigos começaram a fazer testes com pessoas para ver se o sentimento era o mesmo.

O primeiro teste foi realizado com um grupo de 135 estudantes que foram convidados a criar uma cápsula do tempo. Dentro dela foram guardadas coisas cotidianas como o relato de uma conversa que tinham tido naquele mesmo dia e músicas que estavam ouvindo no momento. Depois de três meses, quando a cápsula foi aberta, os alunos estavam bem mais curiosos e ansiosos para se lembrarem do que arquivaram ali do que acharam que estariam.

Foram feitos outros testes, mas o resultado no final era sempre o mesmo: no começo ninguém demonstrava se importar tanto com aqueles registros diários que pareciam triviais, mas no fim eram eles que mais emocionavam.

Por isso, da próxima vez, experimente fazer fotos de coisas que na hora podem até parecer bobas, mas que podem te surpreender dali alguns dias, meses, ou anos.


Por Tissiane Vicentin

Comente

Assuntos relacionados: fotografias