Fotógrafa registra olhares preconceituosos contra gordinhas

Na pele de uma gordinha

Foto: Haley Morris-Cafiero

Bem resolvida com seus quilos a mais, a fotógrafa Haley Morris-Cafiero criou um novo projeto para mostrar que o fato de ser gordinha não é um problema para ela, mas, sim, para os outros. Como? Fotografando nas ruas as expressões daqueles que se deparam com pessoas acima do peso.

Ela batizou esse trabalho de Wait Watchers, nome como é conhecido o programa de emagrecimento "Vigilantes do Peso" em outros países. A ideia surgiu quando flagrou o olhar de repulsa de um homem enquanto trabalhava em outro projeto, em 2010.

A partir daí, resolveu registrar outras reações. Colocou a câmera em um tripé e clicou outras pessoas que olhavam para ela em situações comuns do dia a dia, como lendo um livro, falando ao telefone e comendo em público.

As imagens obtidas registram diferentes flagras, desde posturas que mostram curiosidade até aquelas que expressam nojo. Ou seja, é nítido o peso e a cobrança da sociedade sobre as pessoas obesas.


"Não acho que todos pensam que eu sou gorda. Alguns também devem reagir ao modo como me visto, enquanto outros ficam curiosos porque estou sendo fotografada", disse Haley ao jornal Huffington Post, tentando ver além do preconceito e, ao mesmo tempo, confessando que esse trabalho despertou um misto de sensações nela.

Por Fernanda Oliveira (MBPress)

Comente