Dicas de segurança para a Copa

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Copasegurança

Shutterstock

Para garantir as festividades da Copa e das festas juninas com segurança, alguns cuidados são necessários com a rede elétrica, evitando danos que prejudiquem o fornecimento de energia à população, além de incêndios que destroem as matas.

A decoração das ruas para os jogos do Brasil, por exemplo, requer alguns cuidados que podem evitar acidentes e gastos desnecessários. Nunca se deve subir em postes para pendurar bandeiras ou colocar placas decorativas. "Ao instalar bandeiras ou usar serpentinas ou outros adornos, é preciso manter a distância mínima de 2 metros da rede elétrica", adverte Edson Amaral Junior, gerente de Serviços de Rede da CPFL Piratininga.

Não se deve instalar bandeiras, mesmo com os cabos plásticos, diretamente no circuito elétrico. Também é importante não arremessar serpentinas, confetes ou outros adereços próximos aos fios, inclusive cabos da rede de telecomunicações, pois muita gente não sabe diferenciá-los.

"É necessário ter uma distância segura do sistema elétrico para comemorar. Até porque adereços metálicos ou o papel molhado são condutores elétricos, podendo causar sérios danos à saúde dos consumidores".

Dentro de casa, nunca ligue mais de um aparelho ou qualquer equipamento, na mesma tomada, utilizando o "T" ou "benjamim", ou ligações precárias ou provisórias. "Procure sempre o apoio de um eletricista profissional ao ligar seus equipamentos em casa", alerta Edson Amaral. Outro cuidado especial é o de deixar as crianças sempre a uma distância segura e vigiada de qualquer aparelho ou equipamento, esteja ele ligado na tomada ou na rede elétrica.

Recomenda-se que, antes de conectar elementos ou colocar qualquer enfeite próximo aos cabos do sistema elétrico, o cliente tenha cuidado, faça uma revisão nas instalações e consulte a distribuidora de energia. Já a prática de soltar balões deve ser evitada, substituindo-a por outras formas de diversão. A dica vale não só para essa época, mas para o ano todo. "Durante o ano todo, fazemos recomendações de segurança à população e, nessa época, queremos reforçar nossas recomendações para que tudo transcorra em clima de felicidade", diz Edson Amaral.

Manter o clima de festividade sem soltar balões é o ideal. Além de ser proibido por lei, soltar balões pode causar prejuízos tanto no campo quanto nas cidades. Eles podem cair em uma plantação ou residência e prejudicar o tráfego aéreo de aeroportos. Além disso, o balão acaba interrompendo o fornecimento e energia de um bairro ou até de parte da cidade, caso atinja uma subestação de energia. "É preciso ter cuidado com a rede elétrica, interna e externa, para que a alegria durante a Copa do Mundo seja completa", reforça Edson Amaral.


Por Vila Mulher

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Assuntos relacionados: segurança festas copa