Dicas da medicina ayurvédica para recarregar baterias

Dicas da medicina ayurvédica para recarregar bater

Foto: FreeDigitalPhotos http://bit.ly/JHVdLe

A medicina ayurvédica é uma das fontes de sabedoria oriental que ensina a harmonizar corpo, mente e espírito. De origem indiana, essa tradição é histórica. Os primeiros textos históricos relativos à Ayurveda são datados de 5000 a 3500 a.C. e foram encontrados no Rig Veda e no Atharva Veda, dois dos quatro livros sagrados da Índia, segundo a terapeuta ayurvédica Fabiana Branco Lara.

A palavra Ayurveda significa ciência da longevidade ou conhecimento da vida. Trocando em miúdos, essa corrente nos auxilia a destrinchar o funcionamento do corpo e da mente para que possamos nos harmonizar como um todo, evitando assim o aparecimento de doenças ou minimizar os sintomas.

A terapia orienta que cada ser seja responsável por sua própria saúde, fazendo escolhas mais conscientes no dia a dia, para que a rotina e os hábitos sejam mais saudáveis e equilibrados.

Para saber quais as atitudes que deve tomar com base na medicina ayurvédica é preciso que você descubra qual seu dosha, que é a caracterização do perfil biológico do indivíduo, são eles Vata, Pitta e Kapha.

Todas as pessoas possuem os três doshas, mas em proporções variadas. Eventualmente, há excesso ou carência de um dos três doshas, o que constitui um desequilíbrio, que pode originar doença.

Confira sugestões para recarregar suas energias:

Faça exercícios

Vata: atividades físicas suaves;

Pitta: atividades físicas moderadas, sem competição;

Kapha: atividades físicas intensas;

Medite

Vata: atividades de concentração, tais como trabalhos manuais (pintura, bordado e crochê) e leituras apaziguadoras;

Pitta: atividades voltadas para objetivos nobres, como compaixão e perdão. Podem ser trabalhos voluntários ou qualquer outra iniciativa que envolva doação;

Kapha: meditação ativa, ou seja, com movimento. Vale dançar ou caminhar prestando atenção na respiração e no corpo;

Aproveite a natureza

Vata: evite o vento e o frio e busque cercar-se de belas paisagens. Tome banho de sol sempre que puder;

Pitta: evite o calor. Procure paisagens com neve, frio e água;

Kapha: exponha-se ao calor e também privilegie caminhadas em locais secos e áridos que exijam agilidade e resistência física;

Cuide da alimentação

Vata: alimentos quentes e nutritivos divididos em várias pequenas porções ao longo do dia. O menu dever ser composto de sabores ácidos, doces e picantes. Sopas, cremes, raízes e vegetais cozidos caem muito bem;

Pitta: cardápio substancial à base de arroz, feijão e carnes, mas sem muitos condimentos ou temperos picantes. O ideal é que inclua os sabores doce, amargo e adstringente. Recomenda-se tomar muita água diariamente, além do uso de ervas refrescantes, como coentro, hortelã, erva-doce e hibisco.

Kapha: esse biotipo deve fazer jejuns periódicos e utilizar sabores picantes, amargos e adstringentes. Pode abusar de temperos e condimentos, como pimenta, canela, cravo, louro e gengibre.

Priorize as atitudes

Vata: deve perseguir a estabilidade e a segurança;

Pitta: o ideal é exercitar a calma e a flexibilidade, além de promover o amor e a compaixão;

Kapha: procurar cultivar o desapego e batalhar por mudanças de hábito é uma boa alternativa;

Temperatura do banho

Vata: de aquecido para quente;

Pitta: frio ou morno;

Kapha: aquecido.

Aproveite massagens ou automassagens

Vata: com óleo quente de gergelim e movimentos lentos e firmes;

Pitta: com óleo de girassol (trocar por óleo de coco nos dias quentes), em movimentos firmes e de ritmo moderado;

Kapha: com sal grosso e óleo de canela e movimentos profundos e rápidos. Tome cuidado para não arranhar a pele com o sal;

Para todos os doshas

- Acorde até às 8h e durma no máximo às 22h;

- Tome um copo de água morna com oito gotas de limão, diariamente, em jejum;

- Beba pouquíssimo líquido durante as refeições. Meio copo, no máximo. Isso porque a presença de líquido no estômago atua como um solvente que enfraquece o poder digestivo das enzimas;

- Lembre todas as manhãs que um novo dia está começando e que tudo pode ser diferente, de acordo com suas escolhas;

- Permaneça atento ao momento presente;

- Coma apenas quando estiver com fome;

- Não coma quando estiver com as emoções alteradas, como por exemplo, raiva, tristeza ou mágoa;

- Espalhe boas notícias e oferte amor para todas as pessoas.

Por Carmem Sanches

Comente

Assuntos relacionados: corpo equilíbrio medicina ayurvédica mente