Desodorantes para redução de pelos são reprovados

Desodorantes que prometem reduzir pelos são reprov

Três marcas de desodorante vendidas com a promessa de reduzir os pelos das axilas foram reprovadas em um exame de eficácia feito pela ProTeste, entidade de defesa do consumidor.

O órgão analisou os produtos Dove Hair Minimising, Rexona Minimising e Avon Skin Soft Redutor de Pelos por 28 dias (prazo médio de duração de um frasco, segundo a ProTeste). No final do período, o uso de nenhum dos desodorantes causou redução significativa na espessura e na densidade dos pelos.

A ProTeste recrutou 60 voluntárias para aplicar todos os dias um dos três desodorantes em uma das axilas, e um desodorante genérico na outra axila. A depilação foi feita com uma lâmina de barbear.

Antes e depois do período de pesquisa, as participantes foram examinadas por dermatologistas e fotografadas. Nem os médicos nem as voluntárias sabiam qual desodorante prometia diminuir os pelos e qual era apenas para o controle.

Um software que avaliou as imagens para comparar o volume dos fios em cada uma das axilas não detectou diferenças estatisticamente relevantes. Mas 36% das participantes afirmaram estar satisfeitas com os resultados dos desodorantes redutores de pelos.

"No período de quatro semanas, não houve um resultado significativo", disse o químico Carlos Confort, que coordenou o teste.

Segundo ele, as empresas deveriam informar se há um prazo mínimo para que os efeitos apareçam.

"Pode ser que em um período mais longo faça efeito, mas se a empresa não passa isso ao consumidor, ele vai comprar um produto que acha que vai fazer efeito, mas não vai", acrescentou.

A Avon divulgou nota afirmando que não pode avaliar a conclusão do estudo porque não teve acesso à metodologia de pesquisa usada pela ProTeste.

A Unilever (responsável pelas marcas Dove e Rexona) também afirmou que desconhece a metodologia empregada e que seus produtos são testados e aprovados pela Vigilância Sanitária.


Em nota, acrescentou que a fórmula exclusiva HairMinimising trabalha no decorrer do tempo mínimo de seis semanas, reduzindo o aspecto e a sensação dos pelos das axilas, fazendo com que demore mais para ser percebido após a depilação.

Por Jessica Moraes

Comente