Customização direto da fábrica

Customização direto da fábrica

Reprodução/Nikeid.com

Customizar está na moda, mas isso não é novidade. Já faz tempo que a gente aprendeu a pegar algo básico e dar a nossa cara. A novidade é que agora você já pode comprar o produto com a sua cara. Isso mesmo, as grandes empresas estão oferecendo a possibilidade customização de artigos já existentes no mercado e até criando novas marcas com esse perfil.

A Nike foi uma das primeiras a tomar essa atitude. Para quem adora tênis, a marca resolveu dar a liberdade para seus consumidores montarem seus próprios tênis com as cores e tecidos que preferirem. Basta entrar no site da marca e usar a ferramenta chamada Nike Id (www.nikeid.com). O único problema é que, pelo menos por enquanto, os tênis não são entregues no Brasil.

Outra que segue essa tendência é a linha de carros Mini, da BMW (www.minibrasil.com). Você pode escolher todos os detalhes, são 337 opções de combinações, 264 possibilidades externas de cores e tipos de acabamentos internos. Ou seja, você é o único a ter um automóvel assim, e a autoria é toda sua. Um desses Mini customizado apareceu até na SPFW, fazia parte do cenário da passarela da grife Carlota Joakina e tinha a estampa principal da coleção inverno 2010 da marca.

[galeria]


E não é que a costumização chegou até a planta da sua casa? Quando alguém compra um apartamento MaxHaus (www.maxhaus.com.br), ganha quatro paredes e um banheiro. A partir daí, escolhe a sua planta: um, dois, três ou nenhum quarto, a um valor mínimo inferior a 1% do custo do imóvel por parede erguida. O conceito de "ArquiteturAberta", permite que essa decisão possa ser tomada no ato da compra ou ao longo da vida. Ou seja, a pessoa pode comprar o apartamento sendo solteira, depois casar e então ter filhos, e vai adaptando o espaço as suas necessidades. Quanta praticidade, né?

Por Larissa Alvarez

Comente