Cuidados na hora de escolher um pet de presente

animaisestimaçãopresente

Foto - Shutterstock

Não existe criança que não goste de ter um bichinho de estimação. Eles são fofos e podem ser uma opção interessante para o dia 12 de outubro. Mas presentear as crianças com um animal de estimação, comprando ou adotando, exige pesquisa e bom senso. Embora um bichinho seja interessante para qualquer criança, é importante avaliar quem cuidará realmente do animal, nem sempre os pequenos têm maturidade suficiente para isso.

"Crianças pequenas demais às vezes ainda não têm noção do que é brincadeira. Com os filhotes são mais frágeis, todo cuidado é necessário para evitar que se machuquem. Com supervisão de um adulto, porém, ter um pet em casa é uma ótima forma de ensinar limites, respeito à vida, cuidado e solidariedades aos pequenos", argumenta a veterinária Giulliana Tessari, da Pet Center Marginal.

Além de cães e gatos, para crianças menores, pode-se pensar em peixes e até pássaros. "Como são mais independentes e não exigem contato físico, pode ser uma alternativa mais prática para os pais e indiretamente para os filhos pequenos.

Abaixo seguem alguns pontos que devem ser avaliados antes de se levar um bichinho pra casa.

1. Cães e gatos vão viver com a pessoa por cerca de 16 anos. Trata-se de um novo membro da família, um compromisso para uma vida.

2. Os cães são ativos, requerem passeios diários e não gostam de ficar muito tempo sozinhos, será que a pessoa terá tempo para ficar ou passear com o bichinho?

3. No início, quando ainda são filhotes, os cães precisam de adestramento e paciência do dono para aprender a urinar e defecar no lugar certo, quem fará isso? Eles são lindos, parecem bichos de pelúcia, mas crescem e podem ficar maiores do que o esperado.

4. A decisão de ter cães e gatos envolve mais gastos em casa, sejam eles com a saúde ou o bem-estar do animal. Os pets necessitaram de visitas anuais ao veterinário ou em casos de emergência, carteira de vacinação em dia, uma boa ração,além de banho e tosa.

5. Cães e gatos são sociáveis e precisam de carinho, afeto e de simples horas de brincadeiras com seus donos. Eles também estarão em casa quando as pessoas precisam viajar. Será que haverá dinheiro no orçamento para um hotelzinho ou um conhecido que goste e tope cuidar deles enquanto o dono estiver longe?


Por Vila Mulher

Comente

Assuntos relacionados: crianças animais de estimação