Cosméticos orgânicos

Foto Divulgação/ Da esquerda para a direita: Óleo de Bétula WELEDA, Creme para massagem e Loção hidratante Magia dos Aromas

A onda verde também invadiu o universo dos cosméticos. Se você dar uma olhada em farmácias ou procurar marcas que trabalham com revendas de produtos irá descobrir vários tipos de sabonetes, cremes hidratantes e óleos para o corpo ecologicamente corretos.

Alguns deles são chamados cosméticos orgânicos, produtos fabricados apenas com ingredientes de origem vegetal, esses cultivados sem agrotóxicos ou aditivos químicos. Também não contém derivados do petróleo ou matéria-prima obtida de animais. E a embalagem sempre é reciclável.

Para ter certeza que isso foi seguido à risca, basta observar o selo do Instituto Biodinâmico Brasileiro (IBD) ou do Ecocert, órgão responsável por certificar produtos com ingredientes orgânicos presente em mais de 50 países, inclusive o Brasil.

Segundo a organização francesa, em todo mundo já estão certificados 500 fabricantes de cosméticos naturais e orgânicos, entre eles pequenos, médios e grandes fabricantes, líderes mundiais no setor.

Para receber o selo da certificadora, o produto deve ter no mínimo 95% de ingredientes naturais ou de origem vegetal ou ainda 95% de ingredientes vegetais certificados orgânicos.

“O cosmético orgânico traz um benefício maior à saúde, pois não causa reações alérgicas. Devido à ausência de substâncias químicas durante o cultivo e na formulação do produto, amplia a sensação de bem-estar”, explica Marcos Caram, diretor da Magia dos Aromas.

A linha de produtos da marca possui óleos de girassol orgânico, com ação antioxidante, emoliente e revitalizante, o que aumenta a elasticidade da pele. Já o óleo da Amazônia feito com jasmim e ylang-ylang é considerado afrodisíaco e antidepressivo. Quem sabe uma ótima opção para o dia dos namorados, não?

Há também sabonetes de chocolate e vegetais, como de semente de damasco e copaíba, esse último com propriedades cicatrizantes. Já os cremes de massagem, feitos com guaraná e arnica, são indicados para gordura localizada e flacidez.

Também para o combate da celulite, a linha da Weleda indica o óleo de bétula. No Brasil, o produto é o único da categoria que possui o selo de “Cosmético Natural Certificado” da BDHI (Associação de Indústrias e Firmas de Comércio Alemãs).

De acordo com Dr. Nilo Gardin, responsável pelo departamento médico-científico da Weleda do Brasil, a bétula tem uma função de limpeza e rejuvenescimento da pele, o óleo de damasco vitaliza, o óleo de trigo é rico em vitamina E que é antioxidante, o óleo de jojoba ajuda a conservar a umidade da pele, a gilbarbeira trata a congestão dos líquidos corporais retidos, e o alecrim estimula a circulação local.

A linha Weleda é vendida em várias farmácias próprias espalhadas por todo o Brasil. Já os produtos da Magia dos Aromas são vendidos no próprio site ou em vários estabelecimentos.

Por Juliana Lopes

Comente